ACOMPANHE-NOS    
JANEIRO, DOMINGO  17    CAMPO GRANDE 22º

Em Pauta

Os botões de Napoleão ou a capacidade de planejar a guerra

Por Mário Sérgio Lorenzetto | 04/01/2021 06:39
Campo Grande News - Conteúdo de Verdade

Por falta de um cravo, perdeu-se a ferradura.

Por falta de uma ferradura, perdeu-se o cavalo.

Por falta de um cavalo, perdeu-se o cavaleiro.

Por falta de um cavaleiro, perdeu-se a batalha.

Por falta de uma batalha, perdeu-se um reino.

Tudo por causa de um ferro para ferradura.

                          Antigo poema inglês.


Em junho de 1812, o exército de Napoleão reunia 600 mil homens. No início de dezembro, contudo, contava com menos de 10 mil. O que restava das forças do imperador francês, em andrajos, conseguira cruzar o rio Berenzina e escapar do assédio das tropas russas. Os soldados remanescentes enfrentaram fome, doenças e um frio paralisante. Outros mais morreriam malvestidos para sobreviver ao frio.


Campo Grande News - Conteúdo de Verdade

Por que Napoleão foi derrotado?

Qual foi a causa da derrocada do maior exército que Napoleão comandou? Por que seus soldados, vitoriosos em batalhas anteriores, malograram na campanha russa? A explicação fácil é: por causa do frio. Mas não foi bem assim. Napoleão foi derrotado pela imensa capacidade dos russos de planejar. Eles queimaram todas as colheitas que levariam o sustento das tropas francesas. (E repetiram a queimada de cereais quando invadidos pelos nazistas). Era só esperar a fome levar os franceses à loucura e usar a tática da guerrilha para não deixar que pensassem em alguma alternativa. Fome e assédio constante dizimaram os franceses como a covid mata os brasileiros. Péssimo planejamento levou à derrota. Sempre leva. Depois, encontrem um "frio" para botar a culpa.


Campo Grande News - Conteúdo de Verdade

Os botões de Napoleão.

Abria as aulas de química contando a história dos botões de estanho de Napoleão. É uma maneira de mostrar a importância da química - e das ciências em geral - para alunos. Os químicos diziam que a derrota para os russos foi devido aos botões das fardas dos soldados franceses. Como eram de estanho, no frio, começam a se tornar friáveis e a se esboroar em um pó cinza. Continua sendo estanho mas com uma forma estrutural diferente. As jaquetas e as calças dos soldados franceses perderam todos os botões, começaram a cair. Com o frio, os soldados tinham de abandonar as armas tentando segurar as calças. Perderam a guerra. Como não conheciam a química - a ciência do estanho - tiveram uma derrota acachapante.


Por causa de um plástico, muitos perderam a vida.

Por falta de um plástico, perdeu-se a seringa.

Por falta de uma seringa, perdeu-se a vacina.

Por falta de uma vacina, perdeu-se a batalha.

Por falta de uma batalha, perdeu-se tudo.

Tudo por causa da incapacidade de planejar.

                          Novíssimo poema catastrófico.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário