ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
ABRIL, DOMINGO  14    CAMPO GRANDE 24º

Ensinar Juntos

Leve a disciplina como uma rotina

Por Carlos Alberto Rezende (*) | 21/02/2024 09:00

Considerando que o problema da indisciplina escolar é um fenômeno que vem se agravando progressivamente, o tema “disciplina” é oportuno, atual e que deve ser amplamente discutido pelas escolas e pelas famílias. A indisciplina dificulta o processo de aprendizagem, e pode afetar a construção das relações, prejudicando a sociabilização dos alunos. Lidar com a indisciplina, em casa ou em sala de aula, pode ser desafiador, mas não é impossível...

A disciplina desempenha um papel fundamental no processo de ensino-aprendizagem, pois ajuda a promover um ambiente propício para a concentração, compreensão e retenção de informações. Ela auxilia os alunos a desenvolverem habilidades de autorregulação, controle emocional e responsabilidade. De mais a mais, a disciplina também contribui para a formação de hábitos produtivos, promovendo um espaço de respeito mútuo e colaboração. Isso tudo resulta em um ensino mais efetivo e na maximização do potencial de aprendizagem dos alunos.

Ensinar disciplina em casa e na escola envolve a criação de um ambiente estruturado que promova a autorregulação e responsabilidade. Em casa é importante estabelecer rotinas consistentes para tarefas domésticas, horários de estudo e momentos de lazer, definindo expectativas claras sobre comportamento e responsabilidades.

Na escola é importante estabelecer regras e expectativas claras desde o início do ano letivo, ensinando habilidades de organização e gestão do tempo aos alunos, incentivando assim o cumprimento das regras e responsabilidades. Além disso, o educador ou educadora, deve oferecer apoio individualizado para ajudar os alunos a ampliarem a disciplina necessária para alcançarem as metas acadêmicas.

Em ambos os ambientes, é importante modelar o comportamento disciplinado e oferecer orientação e suporte aos alunos à medida que desenvolvem essas aptidões, visto que a disciplina desempenha um papel crucial na formação do cidadão. Ao cultivar a disciplina, os indivíduos aprendem a ser responsáveis, organizados, respeitosos e orientados para cumprirem as suas metas pessoais. Essas são qualidades essenciais para o sucesso não apenas na vida acadêmica e profissional, mas também na contribuição positiva para a sociedade como um todo. A disciplina promove a capacidade de cumprir compromissos, seguir regras e trabalhar em prol do bem comum, tornando-se um elemento fundamental na formação de cidadãos conscientes e contribuintes para a comunidade. Esportes podem ajudar significativamente no desenvolvimento da disciplina por vários motivos, entre eles:

1. Estrutura e regras. Exemplificando: o judô, assim como outras artes marciais, possui um conjunto rigoroso de regras que devem ser seguidas tanto em treinamento quanto em competições. Aderir a estas regras requer disciplina.

2. Respeito. Mais uma vez vou usar o judô como exemplo, pois ele ensina respeito pelos instrutores, colegas de treino e adversários. Este respeito mútuo fortalece a autodisciplina, pois os praticantes se esforçam para serem dignos desse respeito.

3.Rotina de Treinamento: a prática regular promove uma rotina que pode levar a melhor disciplina em outras áreas da vida, já que o praticante aprende a equilibrar seu tempo entre o esporte, estudos, trabalho e outras atividades.

4. Concentração: o desenvolvimento da capacidade de focar em técnicas específicas e tácticas durante um treino ou competição pode aumentar a habilidade de se concentrar e manter-se disciplinado em tarefas que requerem atenção prolongada.

5. Autocontrole: o esporte ensina a controlar tanto o corpo quanto a mente, o que pode reduzir a impulsividade e melhorar a capacidade de gerir emoções e comportamentos, elementos fundamentais para uma boa disciplina.

6. Metas e objetivos: a definição de metas é uma parte importante do desenvolvimento de quem é praticante de algum esporte, pois ele é o agente incentivador do trabalho de forma consistente e disciplinada para atingir seus objetivos.

7. Aprendizado com os erros: em todos os esportes, falhas e erros são normais e esperados. Aprender a lidar com essas situações de forma positiva pode aumentar a resiliência e a capacidade para superar desafios.

Por todas essas razões, eu volto a bater na tecla da importância do esporte, pois ele é frequentemente recomendado como uma maneira de ajudar crianças, adolescentes e até adultos, a aumentarem a disciplina e, como tal, ter um impacto positivo em vários aspectos das suas vidas. Portanto, corra, salte, dance, ande de bicicleta, nade e mergulhe de cabeça na piscina da disciplina.

 (*) Carlos Alberto Rezende é conhecido como Professor Carlão.  

Nos siga no Google Notícias