ACOMPANHE-NOS    
SETEMBRO, SEGUNDA  20    CAMPO GRANDE 23º

Conteúdo Patrocinado

Faculdade é pioneira em pós-graduações em Terapia Intensiva e Estomaterapia

Os cursos de pós-graduação lato sensu da Faculdade Novoeste atendem importantes áreas da Enfermagem

Por Post Patrocinado | 13/09/2021 08:07


Primeira turma de futuros enfermeiros estomaterapeutas. (Foto: Divulgação)
Primeira turma de futuros enfermeiros estomaterapeutas. (Foto: Divulgação)

A Faculdade Novoeste, instituição líder em cursos de pós-graduação em Mato Grosso do Sul, acaba de iniciar mais duas turmas de cursos inéditos na área da Enfermagem no Estado, oferecidos por instituições de ensino próprias de Mato Grosso do Sul: Enfermagem em Terapia Intensiva e Estomaterapia.

Atendendo à uma demanda urgente por novos profissionais especialistas nestas duas áreas, a Falculdade Novoeste reuniu os melhores professores locais e nacionais, buscando uma formação de qualidade, associada ao diferencial de aulas práticas, estágios e visitas técnicas em instituições de referência.

Primeira turma de futuros enfermeiros especialistas em terapia intensiva. (Foto: Divulgação)
Primeira turma de futuros enfermeiros especialistas em terapia intensiva. (Foto: Divulgação)

Enfermagem em Terapia Intensiva

A Enfermagem em Terapia Intensiva é uma especialidade reconhecida pelo Conselho Federal de Enfermagem e está em franca expansão. Possui uma ampla área de atuação, seja na área adulta, pediátrica, neonatal, cardiológica, neurológica ou em outras áreas específicas.

Com o envelhecimento populacional, aumento da expectativa de vida, aumento das doenças crônicas e da violência, cada vez mais, tem aumentado a necessidade de leitos de terapia intensiva no Brasil e no mundo.

Coordenadora da Pós-graduação Enfermagem em Terapia Intensiva, Dra. Cacilda Budke. (Foto: Divulgação)
Coordenadora da Pós-graduação Enfermagem em Terapia Intensiva, Dra. Cacilda Budke. (Foto: Divulgação)

A coordenadora da especialização em Enfermagem em Terapia Intensiva é a Prof. Dra. Cacilda Rocha Hildebrand Budke, a qual além de enfermeira assistencial intensivista atuante na área, com mais de 15 anos de experiência, também é coordenadora da Comissão Nacional de Terapia Intensiva do Conselho Federal de Enfermagem (Cofen).

De acordo com a prof. Dra. Cacilda Budke: “A Enfermagem em Terapia Intensiva sempre foi uma importante área da Enfermagem, com déficit de profissionais especialistas no Estado e no Brasil.

A oferta do curso de Enfermagem em Terapia Intensiva em Mato Grosso do Sul, por uma instituição de ensino própria do Estado, vem atender à uma necessidade de mercado, bem como um antigo desejo de profissionais enfermeiros(as) da região, os quais tinham dificuldade em cursar este curso pela necessidade de busca em outros Estados”.

O atendimento a pacientes graves nos leitos de terapia intensiva exige profissionais altamente qualificados e preparados para lidar com o ser humano no seu momento mais frágil de vida. É quando o profissional enfermeiro tem a oportunidade de usar todo seu conhecimento técnico e científico, associado ao seu raciocínio clínico, junto com recursos tecnológicos de ponta, para o tratamento e recuperação do paciente grave.

“O enfermeiro intensivista possui uma ampla área de atuação, seja nas instituições de saúde, de ensino ou na gerência dos serviços de saúde. Ele possui um papel fundamental na equipe de saúde, tanto na de enfermagem, como na equipe multiprofissional, e está envolvido em todos os processos de atendimento ao paciente crítico. Muitas instituições já trabalham como pré-requisito para atuação deste profissional na instituição de saúde dentro da UTI”, destaca a Profª. Dra. Cacilda Budke.

A pandemia causada pelo vírus SARS-Cov2 trouxe ainda mais destaque para essa especialidade, com uma maior valorização dos enfermeiros intensivistas pelos gestores, instituições de saúde e até pela sociedade.

Aulas práticas e professores referência na área são diferenciais. (Foto: Divulgação)
Aulas práticas e professores referência na área são diferenciais. (Foto: Divulgação)

Enfermagem em Estomaterapia.

A especialidade em Estomaterapia, também é uma especialidade reconhecida pelo Conselho Federal de Enfermagem (Cofen). Abrange uma ampla área de conhecimento em estomias, fístulas, tubos, cateteres, drenos, feridas agudas e crônicas e incontinência anal e urinária, nos seus aspectos preventivos, terapêuticos e de reabilitação, o que gera extensa oportunidades de atuação para o especialista.

As possibilidades de campo de atuação podem ser assistenciais, gerenciais, assessoria, consultoria, ensino, pesquisa e vendas. O desempenho profissional do estomaterapeuta pode ocorrer tanto em serviços públicos, como privados, em ambientes hospitalares, ambulatoriais, domiciliar, clínicas e consultórios.

À frente da especialização em Enfermagem em Estomaterapia, está a coordenadora enfermeira Cristiane Marília Ost, especialista em Estomaterapia pela PUC-PR e Ti-SOBEST, com atuação em Estomaterapia, com consultório e membro da SOBEST e WCET.

“É uma especialidade em expansão e que apresenta constantes avanços científicos e disponibilidade de recursos tecnológicos de ponta para uma melhor prática do cuidado. A complexidade e a diversidade das ações assistenciais, assim como as novas exigências do mercado de trabalho para uma prática assistencial segura e eficiente, fazem emergir a importância em ofertar essa qualificação profissional em nosso Estado e para região Centro-Oeste”, destaca a prof.ª Cristiane Ost.

A proposta do Curso de Especialização em Estomaterapia foi construída de acordo com as Diretrizes preconizadas pela SOBEST (Associação Brasileira de Estomaterapia) e pelo WCET (World Council of Enterostomal Therapists), de forma a obter a “acreditação”, certificação de qualidade, que tem como principal finalidade, garantir uma formação com padrão internacional pautada nos preceitos da formação qualificada do especialista. A Novoeste é a única em fase de análise para acreditação na região.

“Ao final de cada módulo teórico, o aluno vai para a prática assistencial, para vivenciar o cuidado direto ao paciente, familiares e cuidadores”, lembra Ost.

2ª TURMA E MAIS INFORMAÇÕES

Para ambos os cursos, a Novoeste já abriu edital de seleção e inscrições para a 2ª turma.

Para outras informações sobre os cursos, consulte o site da Faculdade Novoeste ou vá até a sede da instituição na Rua Rui Barbosa, nº 1792, Centro. O telefone de contato é (67) 3306-0072. Você também pode enviar mensagem pelo Whatsapp (67) 99172-2581 (clique aqui para enviar mensagem).

Nos siga no Google Notícias