ACOMPANHE-NOS    
JANEIRO, SEXTA  28    CAMPO GRANDE 22º

Direto das Ruas

Briga por placa publicitária termina em agressão à mulher na Afonso Pena

Denúncia é que homens implicam com empresa localizada no fundo de estacionamento há oito meses

Por Gabriela Couto | 14/01/2022 12:57
Campo Grande News - Conteúdo de Verdade

Luana Thais de Freitas Oliveira, 22 anos, funcionária de um lava a jato que fica ao fundo do estacionamento LM Park, na Afonso Pena, no Centro da Capital, foi agredida na manhã de ontem (13), após mais uma discussão com homens que trabalham no estacionamento. (Confira o vídeo abaixo)

De acordo com a mãe da vítima, Zoraide Inácia de Freitas, que é proprietária do lava a jato, a briga entre os envolvidos ocorre há oito meses. "Já virou perseguição. Já tenho boletim de ocorrências por preservação de direito. Tudo porque eles não querem que a gente coloque a placa publicitária na calçada. Todo dia eles ficam tentando um jeito de implicar. A placa já foi furtada, inclusive."

A proprietária do estabelecimento conta que a filha também sofre homofobia. "Eles ficam falando as coisas para ela, porque ela gosta de mulher. Ela sofre demais com os comentários deles", revela.

Ontem, quando Luana colocou a placa na calçada, mais uma vez, iniciou a discussão. Após três minutos, é possível ver o homem identificado como Rodrigo, correndo em direção da mulher. Eles trocam socos e ele tenta enforcar a vítima. A situação é separada por outros homens que estavam assistindo a briga. Em seguida, Luana corre atrás do agressor que fugiu com um facão.

Vítima com o rosto machucado após ser agredida no estabelecimento. (Foto: Direto das Ruas)
Vítima com o rosto machucado após ser agredida no estabelecimento. (Foto: Direto das Ruas)

A situação foi registrada na delegacia do Centro como lesões corporais recíprocas e encaminhada para a Deam (Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher). "Mas houve descaso com a situação. A delegada não quis dar andamento na ocorrência e já soltaram o Rodrigo. Cadê a Lei Maria da Penha? Ela está com dentes quebrados e suspeita de nariz e crânio quebrados."

A reportagem entrou em contato com o estacionamento, que não atendeu as ligações. Também procuramos a Deam para justificar o atendimento com a vítima, que foi criticado por Zoraide, mas até a publicação, não houve retorno. Luana está na UPA (Unidade de Pronto Atendimento) Universitário aguardando um raio-x.

Direto das Ruas -  A informação chegou ao Campo Grande News por meio do canal Direto das Ruas, meio de interação do leitor com a redação. Quem tiver flagrantes, sugestões, notícias, áudios, fotos e vídeos pode colaborar no WhatsApp pelo número (67) 99669-9563.

Clique aqui e envie agora uma sugestão.

Para que sua imagem tenha mais qualidade, orientamos que fotos e vídeos sejam feitos com o celular na posição horizontal.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário