ACOMPANHE-NOS    
JUNHO, QUINTA  30    CAMPO GRANDE 17º

Direto das Ruas

Lixo toma conta de terreno, enquanto casos de dengue crescem na Capital

Sofá, pneu e até restos de carro podem ser encontrados em esquina da Vila Marcos Roberto

Por Tainá Jara | 12/02/2021 17:56


Sofá, pneus e restos de carro se somam a entulhos de construção na esquina das ruas Ouro Verde com a Japão, na Vila Marcos Roberto, atrás do Shopping Norte Sul Plaza, em Campo Grande.

Paredes levantadas indicam que ali já foi uma casa, mas é a grande quantidade de lixo, extrapolando os portões e chegando até a calçada é que chama a atenção de quem passa. Como mostra vídeo enviado à reportagem do Campo Grande News.

O cenário é antigo, mas volta a preocupar os moradores em tempo de chuva constante e com o maior risco de transmissão da doença pelo mosquito Aedes aegypti. Não foram registradas mortes até o momento, mas, apesar da baixa incidência, os casos aumentam.

De acordo com o boletim epidemiológico da SES (Secretaria de Estado de Saúde), divulgado nesta sexta-feira, foram 115 casos de dengue confirmados na Capital, até o momento. O ano passado fechou com 5.776 confirmações e sete mortes.

 Conforme a Semadur (Secretaria Municipal de Educação), a limpeza dos terrenos é de responsabilidade do proprietário.

Primeiramente, o dono é notificado para a limpeza do terreno, tendo o prazo de 15 dias úteis para o cumprimento da mesma, após o recebimento e ciência da notificação. Transcorrido o prazo, a fiscalização retorna ao local para vistoria, caso não tenha sido cumprida, o proprietário então é multado. A multa neste caso varia entre R$ 2.339,00 e R$ 9.356,00.

Em 2017 foram Notificados 3.871 proprietários por falta de limpeza e em 2018 foram emitidas quase 6 mil Notificações. Em janeiro do ano passado, 703 proprietários de terrenos baldios foram notificados, uma média de 23 por dia.

Quando a população identificar um terreno baldio sujo a denuncie pode ser feita via Disque Denúncia 156. Quando flagrar ato de um descarte irregular de resíduos, a orientação é entrar em contato imediatamente com a Guarda Civil Metropolitana pelo número 153 e denuncie.

Direto das Ruas – A sugestão chegou ao Campo Grande News por meio do canal Direto das Ruas, meio de interação do leitor com a redação. Quem tiver flagrantes, sugestões, notícias, áudios, fotos e vídeos pode colaborar no WhatsApp pelo número (67) 99669-9563. Clique aqui e envie agora uma sugestão.

Para que sua imagem tenha mais qualidade, orientamos que fotos e vídeos devem ser feitos com o celular na posição horizontal.

Nos siga no Google Notícias