A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 23 de Outubro de 2018

05/04/2018 12:22

Cesta básica cai em 13 capitais, mas aumenta 2,6% em Campo Grande

Compra de alimentos básicos saía por R$ 372,79 em fevereiro ficou R$ 10 mais cara

Anahi Zurutuza
Cachos de banana expostos para venda em supermercado; fruta foi a que mais teve aumento no preço em março (Foto: Alcides Neto/Arquivo)Cachos de banana expostos para venda em supermercado; fruta foi a que mais teve aumento no preço em março (Foto: Alcides Neto/Arquivo)

Com aumento significativo nos preços da banana (26,09%), da manteiga (4,78%) e do leite (3,92%), a cesta básica ficou 2,6% mais cara em Campo Grande em março, diferente do registrado pelo Dieese (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Econômicos) em outras 13 capitais.

No mês anterior, a média dos preços dos 13 alimentos básicos pesquisados havia caído 2,98%.

Em Campo Grande, a cesta que saía por R$ 372,79 em fevereiro, 12ª menor preço dentre as cidades incluídas na consulta, ficou R$ 10 mais cara – sai por R$ 382,47 –, o maior aumento dentre as capitais pesquisadas.

Preço dos alimentos - Além da banana, da manteiga e do leite, o tomate, o pão, o café e o óleo também ficaram mais caros – tiveram 3,46%, 1,60%, 2,10% e 0,60% de aumento, respectivamente – na Capital.

O feijão foi o alimento que mais teve queda no preço – menos 11,26%. A carne, o arroz, a batata e o açúcar ficaram mais baratos. Já a farinha manteve o preço.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions