A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

03/06/2013 22:36

Cesta básica individual apresenta queda de 1,04% em maio

Valor da cesta básica familiar caiu 0,36%. Tomate foi o alimento com maior redução de preço, caindo 16,44%

Nyelder Rodrigues

Pela primeira vez em 2013, a cesta básica individual apresentou queda no preço em Campo Grande. O custo foi de R$ 301,20 em maio, contra R$ 304,37 de abril.

Os números, pesquisados pela Semac (Secretaria Estadual de Planejamento), mostram uma variação negativa de 1,04%, graças a regularização do preço de alguns produtos com a entrada de sua safra normalizada.

No acumulado dos últimos 12 meses, a alta registrada é de 18,06%, enquanto a alta dos últimos seis meses foi é de 14,56%. De janeiro a maio, chega a 11,46%

Tomate (16,44%), sal (4,26%), laranja (4,09%), alface (2,73%), carne (0,89%) e óleo (0,64%) registraram queda na cesta alimentar, enquanto aumento de preço foi visto na batata (14,55%), feijão (5,55%), arroz (4,39%), margarina (2,04%), leite (1,91%), macarrão (1,61%), banana (1,58%) e açúcar (1,26%).

Em maio, o trabalhador que recebe salário mínimo (R$ 678), teve que comprometer 44,43% da renda para adquirir os produtos da cesta básica individual.

Cesta básica familiar – Já ao valor da cesta básica familiar, composta por também com produtos para as necessidades de higiene (5 produtos), limpeza (7) e alimentação (32), variou negativamente 0,36% com relação a abril, fechando maio em R$ 1.283,91.

O valor representa 37,87% da renda familiar, considerando uma família de cinco pessoas e com renda de cinco salários mínimos, ou seja, R$ 3.390. No mês anterior, o comprometimento registrado foi de 38,01%.

As variações acumuladas apresentam índices positivos. Nos últimos 12 meses, a alta foi de 11,30%, enquanto que de janeiro a maio, foi de 7,40%, de 9,49% nos últimos seis meses.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions