A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

14/08/2017 14:53

Crise fecha 55 empresas por semana em MS, pior resultado desde 2005

De janeiro a julho, foram fechados 1.663 estabelecimentos no Estado

Osvaldo Júnior
Loja fechada em Campo Grande (Foto: Marcos Ermínio)Loja fechada em Campo Grande (Foto: Marcos Ermínio)

A retração da economia pode ser dimensionada pelo desempenho do segmento empresarial de Mato Grosso do Sul. A cada semana, 55 estabelecimentos, em média, fecham as portas. Esse número corresponde ao total de 1.663 empresas extintas de janeiro a julho deste ano, conforme estatísticas da Jucems (Junta Comercial de Mato Grosso do Sul), divulgadas nesta segunda-feira (dia 14).

Este é o menor resultado desde 2005, quando tem início a série da Jucems – são 55 empresas fechadas semanalmente em média, considerando que, até o fim de julho, foram 30 semanas. O mais próximo desse número foi o acumulado em igual período de 2016 (1.603 empresas extintas), ano também marcado por fraco desempenho das atividades econômicas. Nos anteriores, as quantidades variaram de 506 a 1209.

Mato Grosso do Sul tem contabilizado, durante este ano, sequência de recordes negativos. Janeiro (227), fevereiro (267) e março (300) registraram os maiores números de extinções de empresas de toda série do estudo da Jucems na comparação com iguais meses.

O resultado de abril (161) é o terceiro maior para o mês, superado pelo de 2013 (181) e de 2016 (206). O de maio é o segundo maior, atrás apenas ao de maio do ano passado (259). Situação semelhante a de junho (234), a segunda maior quantidade, superado por igual mês de 2016 (272).

No mês passado, este ano voltou a liderar a relação de pior desempenho. Foram extintas 238 empresas, maior número para o período desde 2005. Considerando os dias úteis, são 19 estabelecimentos fechados, em média, a cada 48 horas.

Abertas – Os números de aberturas de empresas são opostos: no acumulado de janeiro a julho, são 3.610 negócios. O resultado é o segundo menor em 11 anos. Nesse intervalo, 2015 foi pior ano. Na ocasião, foram abertos 3.429 estabelecimentos.

O saldo entre aberturas e fechamentos de empresas, neste ano (de 1.947), é também o segundo menor. Novamente, 2015, com saldo de 1.826, apresenta situação mais crítica. O melhor resultado foi o de 2008. quando o número de negócios abertou superou em 3.844 os extintos. Na comparação entre 2017 e esse ano, a redução é de 49%.

Crise fecha 55 empresas por semana em MS, pior resultado desde 2005


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions