A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 21 de Novembro de 2017

30/05/2017 20:13

Dólar recua 0,27%, mas mercado mantém cautela com cenário político

Paula Dias (Estadão Conteúdo)

O compasso de espera por definições no cenário político doméstico fez o dólar oscilar em um intervalo estreito nesta terça-feira, 30, principalmente no período da tarde, quando as cotações da moeda norte-americana pouco se moveram. O clima relativamente tranquilo, apesar das incertezas, manteve o dólar à vista em leve baixa e o dólar futuro com pequeno avanço ante o real.

"Desde a última crise política que o mercado de câmbio definiu a banda entre R$ 3,25 e R$ 3,30 como um intervalo saudável para esperar pelo desfecho dessa situação, que ainda se mostra bastante difícil", disse Cleber Alessie Machado, operador da Hcommcor corretora.

A uma semana do início do julgamento do processo sobre a chapa eleitoral Dilma-Temer no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), continua nebulosa a questão da permanência de Michel Temer na presidência, assim como a definição de um substituto de consenso A estratégia de Temer, segundo informações de bastidor, é de utilização de todos os recursos jurídicos possíveis para estender ao máximo sua permanência no Palácio do Planalto. Isso incluiria, naturalmente, o processo no TSE.

Já o presidente do TSE, ministro Gilmar Mendes, sinalizou que um eventual pedido de vista (mais prazo para análise do processo) durante o julgamento da ação não deve ser alongado. Segundo o ministro, essa não é a prática no tribunal. "Os pedidos de vista no TSE não são alongados, em geral isso não acontece", disse.

O temor dos investidores, segundo profissionais do mercado, é de que uma sobrevida muito alongada de Temer acabe por comprometer o andamento das reformas, a partir de protestos e obstruções da oposição no Congresso. No mercado, o que importa é a condução das reformas estruturais com o menor atraso possível.

O dólar à vista no balcão terminou o dia em baixa de 0,27%, aos R$ 3,2596. Entre a mínima de R$ 3,2567 (-0,36%) e a máxima de R$ 3,2718 (+0,10%), a cotação oscilou num intervalo de R$ 0,015. O giro registrado na clearing da B3 foi de US$ 2,0 bilhões. No mercado futuro, o dólar para junho avançou 0,03%, a R$ 3,2600. O volume de negócios somou US$ 15,462 bilhões.

Rússia suspende importação de carnes bovina e suína do Brasil
A Rússia vai suspender novamente a importação de carnes do Brasil. A decisão valerá a partir de 1º de dezembro, conforme anunciou a autoridade sanitá...
Aumento de empregos no país foi puxado por comércio, indústria e serviços
O aumento do número de empregos formais em outubro foi puxado pelos setores de comércio, indústria de transformação e serviços. De acordo com números...
Balança do país tem superávit de US$ 700 milhões na 3ª semana de novembro
A balança comercial registrou superávit de US$ 700 milhões na terceira semana de novembro. As exportações ficaram em US$ 3,705 bilhões e importações ...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions