A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 17 de Janeiro de 2018

16/08/2011 15:50

Dourados será polo de serviços e manutenção da área sucroenergética

Edmir Conceição*

Município foi destacado em lançamento de projeto sucroenergético

Prefeito Murilo Zauith discursa no lançamento do Projeto Sucroenergético. (Foto: Assecom)Prefeito Murilo Zauith discursa no lançamento do Projeto Sucroenergético. (Foto: Assecom)

O diretor do Ceise Br (Centro Nacional das Indústrias do Setor Sucroenergético e Biocombustíveis) Adézio Marques, afirmou ontem á noite, durante lançamento de projeto de suporte da indústria alcooleira, que Dourados tem grande potencial para dar suporte ao setor sucroenergético. “As indústrias vão para onde está o desenvolvimento e o foco é Dourados daqui para frente”, disse ao participar do lançamento do Projeto Polo de Serviços do Setor Sucroenergético de Dourados e Região, no centro de eventos da Unigran.

O lançamento foi feito pelo prefeito Murilo Zauith (PSB), que teve destacada a iniciativa de 'importar' de Sertãozinho (SP) a experiência de integração serviços-indústria. Segundo ele, a região de Sertãozinho, o maior centro industrial de produção e manutenção de indústrias do setor sucroenergético do Brasil, está saturada e com pouco espaço para crescer, daía a perspectiva de Dourados assumir essa lacuna. Então o caminho natural será Dourados, que é o centro de uma área onde funcionam atualmente 15 usinas de grande porte.

“Vou mostrar que aqui é o melhor lugar para se investir”, afirmou Murilo, que no início de setembro se reúne com um grupo de pelo menos cem empresários em Sertãozinho, durante a 19ª Fenasucro. Ele vai mostrar o projeto e as potencialidades de Dourados.

O presidente da Biosul (Associação dos Produtores de Bioenergia de MS) Roberto Hollanda Filho disse que a importância do setor sucroenergético, dizendo que o etanol já representa 50% da matriz energética do Brasil e que, no futuro, deverá substituir a gasolina devido ao apelo ambiental. “É uma matriz limpa. Os Estados Unidos já estão substituindo o combustível fóssil pelo etanol”.

(*) Com informações da Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Dourados

A secretária estadual de Desenvolvimento Agrário, Produção, da Indústria, Comércio e Turismo Tereza Cristina Corrêa da Costa disse que o setor sucroenergético foi muito importante para romper o binômio boi-soja. Por isso, segundo ela, é muito importante a vinda das indústrias fornecedores de manutenção e serviços para o Estado para agregar valor ao setor. “E Dourados é o polo; é aqui que tem que ser. É só olhar o mapa”.

De acordo com o secretário municipal de Indústria e Comércio de Sertãozinho, Marcelo Pelegrini também esteve em Dourados para participar do lançamento. Ele destacou a forma como Dourados está desenvolvendo o projeto, tratando o assunto como cadeia produtiva. “Vocês estão pensando porteira pra dentro e porteira pra fora”, ressaltou. “Lá [Sertãozinho] deu certo; aqui vocês começam a trabalhar certo e vai dar certo”, afirmou Marcelo. Ele falou ainda da importância de se fazer a qualificação da mão-de-obra.

O prefeito Murilo Zauith lembra que a prefeitura já está qualificando a mão-de-obra, através do programa Qualifica Dourados. Disse ainda que o investidor terá todos os incentivos do Estado e da prefeitura para investir no setor. A secretária Tereza Cristina confirmou que o Estado dará os incentivos.

Parceria - o presidente do Ceise, Adézio Marques anunciou a possibilidade de a entidade, que tem uma universidade corporativa, fazer uma parceria com uma universidade local para qualificar mão-de-obra para o setor sucroenergético.

De acordo com o presidente da Famasul (Federação da Agricultura e Pecuária de MS), Eduardo Riedel, os produtores rurais hoje já têm entendido a importância do setor e os benefícios que podem trazer para o Estado e estão entrando no negócio. Até então, a maioria das lavoras de cana-de-açúcar é das próprias usinas. “Hoje o negócio da cana é profissional, sabe-se que não é uma aventura”, disse.

Tarifa de energia deve seguir na bandeira verde até março, diz ministro
A tarifa de energia elétrica deve permanecer na bandeira verde (sem custo adicional nas contas) até o fim do primeiro trimestre deste ano, afirmou ho...
Anac passa a divulgar ranking de satisfação de usuários de empresas aéreas
A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) passa a divulgar, a partir de hoje (16), o ranking com as manifestações dos usuários do transporte aéreo. ...


Quanta diferença entre um Prefeito de verdade, e um fantoche inominável que foi o prefeito anterior. Aliaz, prefeito não, ele nunca mereceu esse título. Espero que o povo de Dourados, tenha aprendido a votar em homens que realmente tenha conhecimento e passe confiança para quem queira investir no município. Que Deus abençoe o Prefeito Murilo, dando-lhe a direção certa para a edificação do Municipio de Dourados.
 
Valter Antunes Oliveira em 16/08/2011 08:41:06
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions