A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

17/06/2011 13:08

Puccinelli lê acordão do STF sobre incentivos e garante que nada muda

Paula Vitorino e Ítalo Milhomem
Incentivos fiscais para antigas e novas empresas estão garantidos afirma governador. (Foto: Marcelo Victor)Incentivos fiscais para antigas e novas empresas estão garantidos afirma governador. (Foto: Marcelo Victor)

Na manhã desta sexta-feira (17), o governador André Puccinelli (PMDB) informou ter recebido hoje o acórdão do STF (Supremo Tribunal Federal) considerando o artigo 6 da Lei do MS Empreendedor parcialmente inconstitucional e os artigos 7 e 8 completamente inconstitucionais por conta da chamada “guerra fiscal” entre os estados.

No entanto, ele garantiu que nenhum dos incentivos fiscais concedidos pelo governo do Estado para empresas e indústrias foram dados com base nos artigos vetados pelo Supremo.

“Esses artigos não foram convalidados pelo Confaz, que tem que ter unanimidade. Com a dificuldade de aprovação no conselho, o governo não concedeu nenhum incentivo com base neles”, garante o governador.

Com isso, ele fez questão de afirmar que “nenhuma empresa beneficiada corre o risco de perder os incentivos ganhos, nem as empresas que querem investir em MS devem temer a perda desses incentivos”.

Sobre as alterações na nova lei de incentivos fiscais, Puccinelli afirmou que o “governo do Estado está tranquilo quanto a decisão do STF” e não tem “pressa” para a aprovação do novo projeto, já encaminhado para a Assembléia Legislativa.

No início do mês, logo após a decisão do STF, Puccinelli chegou a declarar que o objetivo era “maquiar” a nova lei, como outros estados já haviam feito.

Na nova legislação proposta, os artigos considerados inconstitucionais foram adequados a decisão do Supremo.

O governador participou nesta manhã de uma audiência pública na Assembléia sobre o PAC 2 da área de saneamento.

Depois de decisão do STF de derrubar incentivos, Puccinelli propõe nova lei
Depois do STF (Supremo Tribunal Federal) considerar inconstitucionais três artigos da lei de incentivos fiscais de Mato Grosso do Sul, em vigor desde...
Governo vai recorrer e incentivos fiscais continuam valendo, diz Lorenzetto
Apesar de o STF (Supremo Tribunal Federal) ter considerado inconstitucionais três artigos da Lei Complementar 93, que trata de incentivos fiscais em ...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions