ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JULHO, QUINTA  18    CAMPO GRANDE 20º

Economia

Índice mostra ligeira queda no número de endividados em junho na Capital

Liana Feitosa | 01/07/2015 08:39

Junho apresentou ligeira queda no número de pessoas endividadas em Campo Grande, segundo a Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor, divulgada pela CNC (Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo).

Contas - No mês anterior, maio, 62,1% das famílias da Capital afirmaram ter dívidas com cheques pré-datados, cartões de crédito, carnês de lojas, empréstimo pessoal, prestações de carro ou seguros. O índice se manteve estável durante três meses, mas, em junho, voltou a cair.

Portanto, no último mês, o índice apresentou queda, sendo registrado 61,5%. Também houve queda no número de pessoas com contas em atraso, de 30,3% em maio, foi contabilizado 29,2% em junho. Os que afirmaram que não terão condições de pagar passaram de 13,6% para 14%.

Segundo o o presidente da Fecomércio-MS (Federação do Comércio de Mato Grosso do Sul), Edison Araújo, o número de pessoas endividadas do último mês também é menor que o mês de junho de 2014.

Ano passado - “Temos um índice inclusive menor que em junho do ano passado, quando 64,2% tinham compromissos com parcelas, o que já era esperado diante de um consumidor que está dando preferência às compras à vista”, explica.

O número total de total de endividados registrados em junho de 2014 em Campo Grande foi de 159.239. Já em junho de 2015, o total foi de 152.476, o que evidencia queda na quantidade de pessoas com dívidas.

No entanto, a quantidade de consumidores com contas em atraso subiu de 67.860 em junho de 2014 para 72.469 nesse mesmo mês de 2015.

Ainda de acordo com o levantamento, cartões de crédito, carnês e financiamento de carros continuam sendo os tipos de dívidas mais citadas pelos consumidores.

Nos siga no Google Notícias