A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 19 de Janeiro de 2018

10/11/2017 18:29

Inmetro recolhe 95 mil tijolos ilegais durante operação em Campo Grande

Ricardo Campos Jr.

A AEM-MS (Agência Estadual de Metrologia de Mato Grosso do Sul), vinculada ao Inmetro, encabeçou uma força-tarefa que vistoriou 15 lojas de materiais de construção em Campo Grande. Em 14 delas foram encontrados e interditados 95 mil tijolos ilegais, que se comprados e usados na construção civil arriscariam a estrutura dos prédios.

Segundo o órgão, esses materiais recolhidos são feitos fora das medidas padrões. Eles são fabricados clandestinamente no interior de Mato Grosso do Sul, interior de São Paulo e no Paraguai. Feitos dessa forma, eles costumam ser mais baratos e chamam a atenção dos consumidores.

Os materiais foram levados ao Sindicer (Sindicato da Indústria Cerâmica), onde ficarão armazenados até serem destruídos.

Esse tipo de fiscalização ocorre de forma rotineira, mas denúncias de empresários do ramo fizeram A AEM-MS organizar uma operação de fiscalização em massa. Diante dos resultados, e do risto que os tijolos ilegais representam, a ação será estendida para as cidades do interior em novembro.

No começo de 2018 será lançado pelo governo e pelo sindicato o programa Tijolo Legal, para divulgar as vantagens de adquirir produtos em conformidade com as normas técnicas brasileiras.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions