A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

07/06/2010 15:57

Operadoras não aceitam lei que dá desconto para gago

Redação

Em vigor desde novembro de 2009, a lei estadual que dá 50% de desconto nas tarifas de telefonia celular para quem tem gagueira ainda não beneficiou ninguém. A estimativa é de que 20 mil pessoas em Mato Grosso do Sul gaguejam.

A Acel (Associação Nacional das Operadoras de Telefonia Celular) disse que considera questionável a constitucionalidade da lei sul-mato-grossense.

Segundo a associação, é de competência privativa da União, por meio da Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações), legislar sobre Telecomunicações.

Nem mesmo o autor da lei, ex-deputado Diogo Tita (PPS), tem conhecimento de alguém que tenha sido beneficiado pela medida.

A proposta inusitada surgiu após o então deputado tomar conhecimento de que um primo dele, com gagueira, pagava uma conta alta de celular.

Agora, Tita diz que perdeu contato com o primo e não sabe dizer nem mesmo se ele foi beneficiado. "Vou voltar a mexer com isso quando retornar à Assembleia", afirmou.

Tita é suplente de deputado. Ele perdeu a vaga com o retorno do então secretário Carlos Marun à Casa de Leis. Agora, ele vive a expectativa de voltar ao parlamento com uma possível ascensão da deputada Celina Jallad (PMDB) como conselheira do TCE (Tribunal de Contas).

Segundo a Acel, Mato Grosso do Sul possui 2,5 milhões de celulares.

Saga - Para obter uma resposta das operadoras de celular, o Campo Grande News chegou a falar com dirigentes de algumas empresas e com o presidente da Acel, Luiz de Melo Junior.

O principal questionamento era sobre quantas pessoas conseguiram e pediram o desconto por distúrbio na fluência e temporalização da fala. A única resposta obtida foi por meio de uma nota enviada pela Acel e não esclarece esses questionamentos.

A reportagem também tenta há uma semana, sem sucesso, falar com representantes do IBF (Instituto Brasileiro de Fluência) e da Abra Gagueira (Associação Brasileira de Gagueira).

Confaz aprova incentivos fiscais concedidos pelo Governo de MS
O Confaz (Conselho Nacional de Política Fazendária) aprovou a convalidação de todos os incentivos fiscais concedidos pelo Governo do Estado em Mato G...
Consumidor terá 30 dias para contratar serviço de esgoto antes de ser multado
Será apresentado às 9h de segunda-feira (18) um termo de parceria entre o Procon-MS (Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor de Mato ...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions