A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

27/08/2012 16:14

Pesquisa de 56 alimentos aponta variação de preço em 390% na Capital

Fabiano Arruda
Preço da alface crespa foi o que apresentou maior variação, aponta pesquisa. (Foto: Divulgação/Edemir Rodrigues)Preço da alface crespa foi o que apresentou maior variação, aponta pesquisa. (Foto: Divulgação/Edemir Rodrigues)

Pesquisa realizada pelo Procon, na semana passada e divulgada nesta segunda-feira, sobre o preço de 56 alimentos em Campo Grande, apontou variação que chega até a 390%, o que reforça a necessidade de o consumidor comparar custos em diversos estabelecimentos antes de decidir pela compra.

Foram pesquisados quatro supermercados e outros quatro comércios de hortifrutis na Capital.

Entre os produtos que constam no levantamento estão açúcar, arroz, feijão, óleo, frutas, verduras e legumes. A alface crespa apresentou maior variação com 390%. Os preços do produto foram encontrados de R$ 0,59 a R$ 2,89.

Já o custo do cheiro verde teve diferença de 236%: de R$ 0,89 a R$ 2,99. A mandioca atinge 177%, com valores que vão de R$ 0,79 a R$ 2,19.

Segundo o Procon, o repolho verde (148%), a batata inglesa (132%), a cebola (116%), a maçã nacional (112%), a cenoura (111%) e o chuchu (101%) também apresentaram altas variações de preços.

Nos supermercados, ainda conforme o levantamento, o vinagre foi encontrado com diferença que chega a 128% (R$ 1,30 a R$ 2,97), seguido do feijão com 88% (R$ 3,66 a R$ 6,89).

Produtos como feijão e alface sofrem com variações de preço desde o início do ano influenciados por fatores climáticos. A lista completa pode ser conferida abaixo.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions