A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

18/11/2013 12:09

Secretário diz que IPVA terá uma redução, em média, de 4% em 2014

Leonardo Rocha
Secretário diz que haverá uma redução de 4% em média no valor do IPVA (Foto: Marcos Ermínio)Secretário diz que haverá uma redução de 4% em média no valor do IPVA (Foto: Marcos Ermínio)
Secretário trabalha com 750 mil veículos em Mato Grosso do Sul (Foto: Marcos Ermínio)Secretário trabalha com 750 mil veículos em Mato Grosso do Sul (Foto: Marcos Ermínio)

O secretário estadual de Fazenda, Jader Julianelli, afirmou que o IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores) de 2014 terá uma redução, em média, de 4%, superando as expectativas feitas pelo governador André Puccinelli (PMDB) que havia anunciado o reajuste abaixo da inflação.

“Em média teremos uma redução de valores, alguns veículos tiveram reajustes, mas na conta final os valores serão menores”, destacou o secretário.

Ele ainda apontou que para os carros populares, que possuem uma valorização maior no mercado, o reajuste será de 2,6%, no entanto aqueles veículos de porte maior, segundo o secretário, também terá redução. “O governador nem precisou cumprir o compromisso de fazer o reajuste abaixo da inflação”, ressaltou ele.

Jader destacou que o planejamento para 2013 era arrecadar R$ 290 milhões com o IPVA, no entanto houve de 15% a 20% de inadimplência. “Iremos fechar a conta em janeiro, mas já podemos adiantar estes dados em relação ao plano inicial”.

Para 2014 o governo estadual espera arrecadar R$ 300 milhões em um total de aproximadamente 795 mil veículos, 51 mil a mais do que em 2013. “São mais de 400 mil contribuintes, historicamente temos uma média de 10% de inadimplência, mas em época de crise chega até a 20%”, apontou.

O secretário destacou que a elevação deste índice aconteceu nos anos de 2009 e 2012 onde aconteceram crises econômicas e redução do poder de compra. “Temos o exemplo de 2011 que foi um ano mais tranquilo, tivemos apenas 10% de inadimplentes”.

Jader explicou que aqueles que são incluídos na dívida ativa do governo ficam impedidos de assumir cargos públicos e participar de licitações junto ao poder público. “A regularização é a melhor alternativa ao contribuinte”.

Para quem pagar o IPVA em uma única parcela, tem até o dia 31 de janeiro de 2014, e ganha 10% de desconto no valor total do imposto. O contribuinte pode dividir a conta em até três parcelas, sendo o vencimento em 31 de janeiro, 28 de fevereiro, e 31 de março. Os boletos serão entregues no período de 10 a 20 de dezembro.

Projeto – Seguindo a posição anunciada pelo governador, Jader destacou que o projeto do deputado estadual Marquinhos Trad (PMDB) que aumenta de 10% para 15% o desconto em pagamento a vista e ainda parcela em dez vezes a dívida do IPVA , ainda está em fase de estudo.

“Temos que fazer o cálculo do impacto aos cofres públicos, para depois chegarmos a uma conclusão, ficamos de entregar este parecer até o final de janeiro. Não somos contra a proposta, mas temos que avaliar antes”, destacou.

Idec alerta para tentativa de fraudes após acordo sobre planos econômicos
Pouco mais de 48 horas depois de oficializada a assinatura do acordo entre a Advocacia-Geral da União (AGU), representantes de bancos e associações d...
Dólar fecha no maior valor em 5 meses após adiamento da reforma da Previdência
Em um dia de tensões no mercado de câmbio, o dólar fechou no maior valor em quase seis meses. O dólar comercial encerrou esta quinta-feira (14) vendi...


OS NUMEROS SÃO BONITOS, MAS NOSSAS RUAS ESTÃO COM O IPVA ATRASADO, OS BURACOS IMPERAM NAS RUAS DE CAMPO GRANDE, SE VOCE PASSAR DE 20KM/H VOCE DESTROI A SUSPENSÃO DO SEU VEÍCULO, AÍ O ESTADO AJUDA A PAGAR?
 
maximiliano nahas em 18/11/2013 13:24:30
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions