A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 18 de Outubro de 2018

29/04/2010 14:11

Supermercado que abrir sábado receberá multa de R$ 1 mi

Redação

O Sindicato dos Empregados do Comércio conseguiu assegurar na Justiça o descanso para 7 mil funcionários de supermercados de Campo Grande no sábado, 1º de maio. A liminar, concedida pelo juiz do trabalho substituto, Hebert Gomes Oliva, determina multa de R$ 1 milhão para o estabelecimento que descumprir a determinação e abrir as portas no Dia do Trabalhador.

O presidente da entidade, Idelmar da Mota Lima, explica que a decisão do juiz foi embasada na Lei 11.603, de 2007, que em seu artigo 6º determina que as atividades no comércio em geral só são permitidas em feriados desde que autorizado em convenção coletiva de trabalho.

No caso dos funcionários de supermercados, a data base é abril, as negociações ainda estão em andamento e a convenção de 2009 já está vencida, segundo Idelmar. Idelmar afirma que o Sindicato vai percorrer o centro e bairros da cidade no sábado para verificar se os supermercados estão cumprindo a decisão.

Nesta semana, o presidente da rede, Luiz Humberto Pereira, disse que a rede iria estudar uma forma de garantir o funcionamento de suas 11 lojas na Capital no próximo sábado.

Somente o grupo tem 2,2 mil funcionários na Capital e estima que, em média, 100 mil pessoas passem pelas lojas diariamente. Nas portas dos estabelecimentos foram afixados cartazes informando aos consumidores que as lojas abririam normalmente no próximo sábado.

Loja terá que pagar indenização por colocar nome de consumidor no SPC e Serasa
Os desembargadores da 5ª Câmara Cível negaram recurso da rede de varejo Casas Bahia contra sentença que a condenou ao pagamento de R$ 7 mil por danos...
Justiça condena empresa telefônica por bloquear linha de cliente
Os desembargadores da 3ª Câmara Cível negaram recurso da companhia telefônica Tim, condenada em primeiro grau a pagar R$ 8 mil a um morador de Três L...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions