ACOMPANHE-NOS    
SETEMBRO, SEGUNDA  27    CAMPO GRANDE 20º

Enquetes

Depressão está presente na vida de 96% dos leitores

Campo Grande News perguntou se leitores têm depressão ou se conhecem alguém que tenha

Por Guilherme Correia | 05/02/2021 07:35
Moradores de Campo Grande nas ruas da cidade (Foto: Paulo Francis/Arquivo)
Moradores de Campo Grande nas ruas da cidade (Foto: Paulo Francis/Arquivo)

96% dos leitores dizem que já têm ou já tiveram depressão, ou que conhecem alguém que seja vítima desse distúrbio, segundo enquete que se encerrou hoje. Entre os vários relatos, nos comentários do Campo Grande News, de pessoas que já foram diagnosticadas, há quem diga que já tenha até perdido entes queridos para a doença.

A depressão é um distúrbio mental que acomete ao menos 2 milhões de brasileiros, sem contabilizar os casos em que a pessoa está depressiva mas não conseguiu ou não quis procurar assistência média para que fosse diagnosticada.

Entre as possíveis causas estão há combinação de fatores biológicos, psicológicos e sociais de angústia, que podem causar mudanças na função cerebral, incluindo alteração na atividade de determinados circuitos neuronais no cérebro.

Isso faz com que haja uma sensação persistente de tristeza ou perda de interesse, que pode levar a uma variedade de sintomas físicos e comportamentais como alterações no sono, apetite, nível de energia, concentração, comportamento diário ou autoestima. Além disso, a depressão também pode ser associada a pensamentos suicidas.

Em alguns casos, o tratamento é feito por meio de medicamentos, psicoterapia ou ambos. A recomendação também é que haja prática correta de exercícios físicos, redução da ingestão de álcool e drogas, por exemplo, mas o ideal é sempre procurar por ajuda médica.

Procure ajuda - Vítimas de depressão e demais sofrimentos psicológicos podem buscar ajuda em escolas-clínicas de psicologia, no Núcleo de Saúde Mental, Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) ou pelos telefones 141 e 188 CVV (Centro de Valorização da Vida), 190 da PM e 193 dos Bombeiros, que ajudam pacientes a romper o silêncio.

"Sim", responde uma leitora à pergunta, "e digo com propriedade que os CAPS, pelo menos no qual fui atendida, estão muito bem amparados por profissionais incríveis", relata.

Campo Grande News - Conteúdo de Verdade


Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário