A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

22/11/2009 15:48

Corumbá se despede do artista que emoldurou o Pantanal

Redação

Através de uma nota oficial, a Prefeitura de Corumbá se despediu do artista plástico Jorapimo - um ícone da cultura pantaneira, que transformou em telas casarios do porto de Corumbá, barcas e pescadores.

Lutando contra um câncer, José Ramão Pinto de Moraes morreu aos 71 anos, no Hospital Universitário de Campo Grande, após quatro meses internado.

Na nota oficial, a Prefeitura diz que "é uma despedida de corpo apenas, pois a sua presença entre nós está imortalizada na sua arte, em seus quadros que irradiam para o mundo as belezas e o jeito de ser pantaneiros, que desde cedo foram inspirações das obras de um pioneiro em nosso Estado".

Em outro trecho, a Prefeitura afirma que "a memória de Jorapimo nos deixa, além da enorme contribuição para a nossa arte, uma lição de coragem e gosto pela vida" e que "onde quer que haja um quadro com a assinatura de Jorapimo, está um pouco do que somos nós, os pantaneiros".

Jorapimo foi um dos homenageados no 5° Festival América do Sul, no ano passado. Ele havia participado de diversas mostras coletivas e individuais em todo o país e já expôs suas obras no Japão, Alemanha, Estados Unidos, Paraguai, Bolívia e Uruguai.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions