ACOMPANHE-NOS    
JANEIRO, SEGUNDA  17    CAMPO GRANDE 33º

Esportes

Carreata recebe Yeltsin e seus 2 ouros paralímpicos no retorno a MS

Desfile deve acontecer em carro aberto pelas principais ruas da Capital nesta quarta-feira

Por Nyelder Rodrigues | 07/09/2021 14:35
Yeltsin em prova vencida com impressionante sprint final. (Foto: Helano Stuckert/Rede do Esporte)
Yeltsin em prova vencida com impressionante sprint final. (Foto: Helano Stuckert/Rede do Esporte)

Muita festa e até carreata para recepcionar Yeltsin Jacques, campo-grandense de 29 anos, que conquistou duas medalhas de ouro nos Jogos Paralímpicos de Tóquio e retorna para sua terra natal, após o término da competição. A carreata vai acontecer nesta quarta-feira (8), com previsão de partida às 9h.

A divulgação do evento é realizada pelo próprio paratleta, em seu perfil oficial no Instagram. O local de concentração e saída está marcado para ocorrer em frente ao Horto Florestal, na avenida Ernesto Geisel. Dali, o atleta deve seguir em carro aberto do Corpo de Bombeiros em desfile pela cidade.

Yeltsin conquistou duas medalhas de ouro nos 1.500 metros e 5.000 metros do atletismo paralímpico na categoria T11, voltado para atletas totalmente cegos - o atleta possui 5% da visão e por isso corre com uma tapadeira. Já na maratona, ele correu pela T12, foi bem nos primeiros 10 km, mas depois abandonou a prova.

O percurso seguirá dali até a Rua 26 de Agosto, continuando pela travessa José Bacha, ruas 7 de Setembro, 14 de Julho, Cândido Mariano e 13 de Maio, além de passagem pela Avenida Afonso Pena, onde vai parar na sede da prefeitura. Lá, ele vai se encontrar com o prefeito Marquinhos Trad (PSD), perto das 10h.

Posteriormente, ele segue o trajeto na Afonso Pena rumo ao Parque dos Poderes, onde vai se encontrar, às 11h, com o governador Reinaldo Azambuja (PSDB), conforme divulgado nesta tarde pela Fundesporte (Fundação de Desporto e Lazer), uma das organizadores da carreata e dos encontros.

Material de divulgação da carreata em homenagem ao atleta bi medalhista de ouro em Tóquio. (Foto: Reprodução/Instagram)
Material de divulgação da carreata em homenagem ao atleta bi medalhista de ouro em Tóquio. (Foto: Reprodução/Instagram)

Histórico - A primeira medalha de ouro de Yeltsin veio nos 5.000 metros, prova que ele concluiu em 15min13s62. O título veio justo no dia do aniversário de Campo Grande, 26 de agosto, fato este muito celebrado na cidade.

Já a segunda medalha de ouro veio dias depois com recorde mundial. Jacques terminou a prova com o tempo de 3min57s60 e conquistou a 100º medalha de ouro brasileira nas Paralimpíadas, cravando seu nome na história.

O fundista também participou da Rio 2016, mas foi pela classe T13, para atletas com cegueira parcial. Ele ficou em quinto nos 5.000 metros e 11º nos 1.500 metros. A perda de sua visão acontece gradualmente, desde bebê.

A previsão é que sua chegada em Campo Grande ocorra ainda nesta terça-feira (7), pouco antes da meia-noite. Ele vem em voo direto do Aeroporto Internacional de Guarulhos (SP), cidade da região metropolitana de São Paulo.

Além de seus dois ouros conquistados ao lado do atleta-guia Carlos Antonio dos Santos, o Bira, Mato Grosso do Sul conquistou nesta edição dos Jogos mais dois ouros: um com a saltadora em distância Silvânia Costa, de Três Lagoas, e outro com o itaquiraiense da canoagem Fernando Rufino, o "Cowboy de Aço".

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário