ACOMPANHE-NOS    
JULHO, DOMINGO  05    CAMPO GRANDE 30º

Esportes

Desta vez não deu para a torcida mexicana nem nas arquibancadas

Na hora do nosso hino a música da Fifa parou e a torcida brasileira levou a primeira parte na capela até o fim

Por De Samara, Paulo Nonato de Souza | 02/07/2018 13:55
A torcida brasileira mais uma vez deu show, desta vez em Samara, e a Seleção está nas quartas de final
A torcida brasileira mais uma vez deu show, desta vez em Samara, e a Seleção está nas quartas de final

Desta vez não deu para a torcida mexicana. Depois de predominar nas arquibancadas dos estádios russos por onde passou a seleção do México na fase de grupos, contra a Alemanha, Suécia e Coreia do Sul, no confronto desta segunda-feira, 02, pelas oitavas de final da competição, diante do Brasil.

Em campo, o Brasil venceu por 2 a 0, gols de Neymar e Roberto Firmino, e nas arquibanadas da Arena Samara, na cidade de Samara, se a torcida brasileira não predominou em número, com certeza teve grito mais forte que os mexicanos.

No momento dos hinos dos países, um protocolo da Fifa que antecede aos jogos da Copa do Mundo, e prevê apenas um trechinho de cada hino para não atrasar o jogo, a torcida brasileira presente na Arena Samara foi até o fim com a primeira parte do nosso hino, repetindo o que já havia feito nos dois últimos jogos da fase de grupos, contra Costa Rica, em São Petersburgo, e Sérvia, em Moscou.

O hino mexicano veio logo em seguida ao brasileiro e a música ficou inaudível porque os brasileiros ainda estavam cantando o hino nacional do Brasil. Agora a próxima missão dos torcedores brasileiros será em Kazan, onde o Brasil vai jogar a partida de quartas de final diante do vencedor do confronto entre Bélgica e Japão, nesta sexta-feira.