A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 20 de Janeiro de 2018

12/12/2017 13:37

É uma emoção fantástica, diz campo-grandense na semifinal do Mundial

Paulo Nonato de Souza
Roberto Rech, filho e pai, na chegada ao estádio da semifinal do Grêmio no Mundial de Clubes, nos Emirados ÁrabesRoberto Rech, filho e pai, na chegada ao estádio da semifinal do Grêmio no Mundial de Clubes, nos Emirados Árabes

O clima é de muita confiança em vitória do Grêmio e na classificação para a final do Mundial de Clubes no próximo sábado, contra o Real Madrid, disse o empresário campo-grandense, o gremista Roberto Rech, na chegada ao Estádio Hazza Bin Zayed, na cidade de Al Ain, nos Emirados Árabes, local do jogo de daqui a pouco com o Pachuca do México pela semifinal da competição internacional.

“Chegamos finalmente ao estádio com aquela sensação fantástica de estar em uma semifinal de um Mundial de Clubes. Tenho certeza de que o Grêmio vai fazer hoje uma grande apresentação e vai ganhar o seu passaporte para a final, e aí, no sábado vamos pegar o Real Madrid e chegar ao sonho do bicampeonato mundial”, declarou Roberto Rech.

O empresário esteve em todos os jogos decisivos do Grêmio na Libertadores, inclusive na final diante do Lanús, na Argentina. Desta vez, levou o filho, Roberto Rech, e também gremista, para reforçar a torcida no Mundial de Clubes.

A previsão de pegar o Real Madrid tem a ver com a força do clube espanhol, quase uma certeza de presença na final. Na prática, não só o Grêmio, mas também o Real Madrid também precisa antes passar pela semifinal, com a única diferença que o clube espanhol terá o seu confronto eliminatório nesta quarta-feira, e será diante do Al-Jazira, equipe local.

O jogo entre Grêmio e Pachuca vai começar às 14 horas (horário de Mato Grosso do Sull).



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions