A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 21 de Setembro de 2018

12/03/2018 14:55

Materiais que contarão história do Belmar já podem ser doados à Funesp

População poderá ajudar a contar a história do local, que já foi o principal estádio de futebol de Campo Grande

Gabriel Neris
Fotografias e livros já estão à disposição da Funesp para montagem de memorial esportivo (Foto: PMCG/Divulgação)Fotografias e livros já estão à disposição da Funesp para montagem de memorial esportivo (Foto: PMCG/Divulgação)

A Funesp (Fundação Municipal de Esportes) já está recebendo as doações que ajudarão a contar a história da praça esportiva Belmar Filgado, localizada na região central de Campo Grande. O edital de chamamento foi publicado na edição desta segunda-feira (12) do Diário Oficial do Município. O Campo Grande News é parceiro da iniciativa, que tem como objetivo contar a história do local que já foi o principal estádio de futebol do município.

Os materiais entregues deverão ser entre 1933 e 1987, referente ao antigo estádio. A finalidade é a implementação do Memorial Esportivo Belmar Fidalgo. A população pode participar com doações de livros, periódicos, catálogos, teses, artigos, materiais áudio visuais e objetos vinculados ao patrimônio esportivo do futebol, como camisetas, chuteiras, bolas, flâmulas, troféus, entre outros.

Conforme publicado no edital, as doações poderão ser feitas na Funesp até o dia 30 de abril, das 7h30 e 11h e das 13h às 17h30. A Comissão de Processamento de Doações receberá o material, analisará a compatibilidade com os termos do edital, digitalizará o material doado, e publicará comunicado no site da prefeitura com o nome do doador e o objeto entregue. Dúvidas poderão ser encaminhadas para o e-mail gab@funesp.campogrande.ms.gov.br. A Funesp está localizada na rua Doutor Paulo Machado, nº 633, Santa Fé.

A comissão montada para avaliar os itens e contar a história da praça é composta por membros da Sectur (Secretaria de Cultura e Turismo), do IHGMS (Instituto Histórico e Geográfico de Mato Grosso do Sul), Iphan (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional), FFMS (Federação de Futebol de Mato Grosso do Sul) e Funlec (Instituto de Ensino Superior da Fundação Lowtons de Educação e Cultura), entre outros.

O diretor-presidente da Funesp, Rodrigo Terra, conta que a equipe já estava atrás de pessoas que possam auxiliar na aquisição de produtos que contarão a história do antigo estádio. “Visitamos algumas pessoas, estamos provocando o chamamento, restava apenas o ato oficial [publicação no Diário Oficial] para poder oficialmente consultar as pessoas”, diz.

O prédio administrativo do Belmar Fildalgo passará por obras e a expectativa é que fique pronto em três meses, sendo inaugurado praticamente no início da Copa do Mundo. As obras devem ter início ainda nesta segunda-feira, graças a parceria com o setor privado. Plaenge e Sicredi investiram R$ 250 mil e poderão, em troca, se utilizar de espaços publicitários no local, previstos pelo Propam (Programa de Parceria Municipal).



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions