A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 24 de Setembro de 2017

30/08/2017 23:21

Nos pênaltis, Paraná elimina o Flamengo e se classifica para a semi

Estadão Conteúdo

A Copa da Primeira Liga terá semifinais entre clubes de Minas Gerais e Paraná. Nesta quarta-feira, no único duelo das quartas de final que foi para a disputa por pênaltis, o Paraná eliminou o Flamengo com a vitória por 5 a 4, após empate no tempo normal por 1 a 1, no estádio Kleber Andrade, em Cariacica (ES), e agora enfrentará o Atlético Mineiro. O outro confronto será entre Londrina e Cruzeiro.

Mesmo na briga pelo acesso na Série B do Campeonato Brasileiro - está em quinto lugar -, o Paraná está levando a sério a Copa da Primeira Liga e buscará a vaga na final neste sábado contra o Atlético Mineiro, no estádio Independência, em Belo Horizonte.

Ao Flamengo ainda restam outras três competições na temporada. Um título está mais perto na Copa do Brasil, na qual faz a primeira partida da final contra o Cruzeiro, no próximo dia 7, feriado nacional da Independência do Brasil, no estádio do Maracanã, no Rio. Os outros torneios são o Brasileirão e a Copa sul-americana.

Em campo, o mistão do Flamengo até mostrou vontade contra a disposição do Paraná, mas pecou na falta de entrosamento dos jogadores. Nos primeiros minutos, a aposta era na velocidade dos atacantes Vinicius Junior e Felipe Vizeu, mas nada que incomodasse o goleiro Richard. O primeiro lance de perigo mesmo só aos 40, quando Cristovam quase marcou contra ao desviar um cruzamento de Everton Ribeiro.

Na segunda etapa, o Paraná resolveu mostrar logo de cara que poderia surpreender. Aos 5 minutos, o zagueiro Iago Maidana acertou uma cabeçada no travessão e assustou o goleiro Alex Muralha. Pouco depois, aos 9, Felipe Vizeu sofreu uma lesão no joelho e teve que deixar o jogo.

Sem o centroavante, coube a Geuvânio jogar mais enfiado e ele conseguiu um pênalti para o Flamengo. Aos 18 minutos, tentou um cruzamento e a bola bateu no braço de Igor. Na cobrança, Everton Ribeiro chutou colocado no ângulo direito alto de Richard, que nem se mexeu.

O que o Flamengo não contava era com a reação instantânea do Paraná. Aos 20 minutos, Renatinho cobrou uma falta da intermediária e contou com a ajuda de Alex Muralha, que não conseguiu chegar na bola.

A partir daí, pouca coisa aconteceu. De destaque, a entrada do meia argentino Darío Conca, muito pedido pela torcida flamenguista em Cariacica, e dois chutes sem muito perigo no gol defendido por Richard.

Nos pênaltis, Richard se destacou ao defender duas cobranças - uma de Vinicius Junior e a decisiva de Lucas Paquetá. Pelo Paraná, apenas Murilo Rangel não converteu ao acertar o seu chute no travessão. Coube a Vitor Feijão, já na primeira alternada, fazer o gol da classificação paranista.

Vitória ganha fora de casa, sai da zona da degola e deixa Atlético-MG em crise
No confronto entre os dois piores mandantes do Campeonato Brasileiro, se deu bem quem jogou fora de casa. Neste domingo, no estádio Independência, o ...
Chapecoense vence, se afasta do risco de rebaixamento e complica Ponte Preta
A Chapecoense levou a melhor sobre a Ponte Preta no confronto direto contra o rebaixamento. O time catarinense venceu por 1 a 0 na Arena Condá, em Ch...
Com reservas, Cruzeiro decide no início e vence Atlético-GO antes de decisão
De olho na decisão da Copa do Brasil, que será na quarta-feira, diante do Flamengo, no Mineirão, o Cruzeiro escalou um time repleto de reservas contr...
Botafogo vira sobre o Coritiba e alcança quarta vitória seguida no Brasileirão
A eliminação na Copa Libertadores no meio de semana não abalou em nada o bom momento do Botafogo no Campeonato Brasileiro. Na tarde deste domingo, no...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions