A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 25 de Setembro de 2018

08/04/2018 15:55

Primeiro tempo termina sem gols e Corumbaense vai levando o título

Operário precisa vencer para por fim a um jejum de 20 anos sem título. Estádio recebe bom público

Gabriel Neris
Operário e Corumbaense vão empatando sem gols no Morenão (Foto: Saul Schramm)Operário e Corumbaense vão empatando sem gols no Morenão (Foto: Saul Schramm)

Terminou sem gols o primeiro tempo no estádio Morenão, em Campo Grande. O resultado vai dando ao Corumbaense o título do Estadual.

O momento mais importante da partida aconteceu aos 46 minutos de jogo, quando Alan acertou a trave do Corumbaense.

O atacante Willian, do Carijó, citou a dificuldade do time em atacar. “Temos dificuldade, sim, mas vamos voltar para o segundo tempo mais atento e tentar matar o jogo”, destacou o jogador no intervalo da partida.

O volante Fernandinho, do Operário, pediu que o time tenha mais paciência. “Eles vieram fechados, o meio-campo está congestionado. Temos que ter paciência”, falou.

O Corumbaense joga pelo empate para ser campeão, o que seria o segundo título consecutivo e o terceiro da história. Já o Operário precisa de uma vitória simples para chegar a taça, o que representaria o fim de um jejum de 20 anos sem vencer o Estadual.

O time campo-grandense começou a partida com Pereira; Da Silva, Rodrigo Arroz, André Paulino e Allison Gaúcho; Daniel Lucini, Alan, Fernandinho, Rodrigo Gral e Firmino; Igor Vilela.

Já o Corumbaense iniciou a final com Guilherme; Robinho, Jaime, Augusto e Valdinei; Igor Pimentel, Agnaldo, Arroz, Guilherme e Jorginho; Willian.

A movimentação de torcedores no estádio Morenão é intensa. Foram colocados à venda quase 10 mil ingressos, respeitando a recomendação do MPE (Ministério Público Estadual). A arquibancada descoberta está interditada.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions