A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 22 de Outubro de 2018


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


17/03/2016 06:00

Após muitas críticas, prefeito volta a aparecer em rede de TV

Waldemar Gonçalves

Um ano atrás – 18 de março de 2015. No Facebook, o prefeito de Corumbá, Paulo Duarte, postava sua indignação a TV Morena, afiliada da Rede Globo em Mato Grosso do Sul, e seis critérios na cobertura de temas relacionados à cidade. “Se o assunto for negativo chaaaaama o prefeito. Se forem assuntos positivos para cidade NÃO chama o prefeito, preferencialmente vaaaaaaaza com o prefeito”, diz um trecho da postagem.

Críticas expostas – Outras críticas ferrenhas ocorreram antes e desde então. O prefeito sempre colocando publicamente dúvidas quanto ao tratamento dado à administração dele pela emissora. Até que as broncas surtiram efeito.

Tudo mudou –16 de março de 2016. A postura dos globais mudou completamente. Duarte aparece, logo pela manhã, em um dos principais noticiários da TV Morena ressaltando a importância da reativação de uma indústria no município. Ou seja, foi ouvido mesmo sobre tema sequer diretamente ligado ao trabalho da prefeitura corumbaense.

Vai intender – O senador Delcídio do Amaral fez duas ligações telefônicas na terça-feira para correligionários seus aqui do Estado. Para um diz ter certeza de que salva seu mandato e para o outro demonstrou estar feliz, sorrindo o tempo todo.

Cadê o Wally? – Investigado pela “Lama Asfáltica”, o deputado Vander Loubet pretende abandonar o barco petista. Fonte do diretório estadual do partido dá como certo o desligamento do parlamentar para ingressar no PR (Partido da República), outro alvo do juiz Sérgio Moro.

Mudanças – O cenário político recente levou deputados estaduais a discutirem, na sessão de ontem da Assembleia Legislativa, mudanças no sistema eleitoral. O discurso constata a necessidade de dar mais credibilidade aos políticos junto à população.

Menos dinheiro – Beto Pereira (PSDB), por exemplo, sugeriu uma reforma geral, já que os três poderes estão sendo questionados. Os deputados Zé Teixeira (DEM) e Paulo Corrêa (PR) esperam que o fim da doação de empresas às campanhas já modifique as eleições este ano, com menos dinheiro envolvido no processo.

Deixa trabalhar – Já o deputado Pedro Kemp (PT) ainda defende que cada poder faça sua parte. Para ele, a classe política precisa desistir do impeachment e deixar Dilma governar, cabendo ao Congresso Nacional legislar e aprovar reformas contra a crise financeira. Ao Judiciário cabe conduzir a investigação todos os casos de corrupção, avalia o petista.

Sem candidato – Estranheza e decepção foram os termos usados pelo deputado estadual Renato Câmara (PMDB) sobre a saída do colega federal Geraldo Resende do partido. Segundo Câmara, o PMDB está há 17 anos sem candidato a prefeito em Dourados – Resende era o peemedebista apontado para a disputa. “Pela escolha de Geraldo, tanto Délia Razuk como Marçal Filho saíram do partido, agora ficamos sem candidato”.

Fugindo do sol – Na primeira edição do projeto Câmara Comunitária, ontem, na região do bairro Serradinho, cerca de 10 vereadores abriram os trabalhos em uma escola e, em seguida, saíram em caminhada pelas ruas do bairro para ouvir reivindicações dos moradores. Apenas Roberto Durães (sem partido) preferiu entrar em sua caminhonete Hilux com ar condicionado e evitou o sol quente da manhã.

(com a redação)

Dagoberto mente, diz liderança do PDT
É fake – As última declarações do deputado federal e presidente do PDT em Mato Grosso do Sul, Dagoberto Nogueira, sobre os pedidos de expulsão do jui...
Adeus a "Playboy" tem foto de bebida na mesa de bar
Despedida – Tem gosto amargo e dolorido, principalmente para as pessoas próximas, a última foto postada nas redes sociais por Marcel Colombo, conheci...
Campanha, tiro na escola e oportunismo
“Guerra virtual” – Não podia ser diferente. O episódio lamentável em que uma criança de 9 anos entrou armada na sala de aula em Campo Grande e atirou...
Justiça agora pode até cobrar Delcídio
Ainda à espera - A Justiça Eleitoral rejeitou o registro de candidatura de Delcídio Amaral (PTC) ao Senado, depois da derrota nas uras. A juíza Eliza...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions