A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 24 de Maio de 2018


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


03/07/2015 06:00

Capital vai gastar R$ 2,6 milhões com cachorro-quente

Edivaldo Bitencourt

Debate – A Câmara Municipal vai debater, na próxima quarta-feira, o pedido de fechamento do Centro Municipal Pediátrico, que funciona no antigo prédio do Hospital Sírio Libanês. A decisão é do Conselho Municipal de Saúde, que não aprovou o projeto do novo hospital no Centro da Capital.

Unidos – O prefeito da Capital, Gilmar Olarte (PP), e o presidente da Câmara Municipal, Mario Cesar (PMDB), estão unidos na proposta para mudar o projeto de duplicação da BR-163 no perímetro urbano de Campo Grande.

“Milagres” - Os políticos do interior de Mato Grosso do Sul estão criativos para apagar provas. Depois da “chuva fantasma” em Camapuã, surgiu o “roubo salvador”. Durante inspeção do Tribunal de Contas em Taquarussu, um “ladrão” invadiu a prefeitura e só furtou o notebook que tinha as provas do caso sob investigação.

Compra milionária – A Prefeitura de Campo Grande faz a compra de pão para cachorro-quente. O valor irrisório. No entanto, segundo o registro da Central Municipal de Compras, publicado no Diário Oficial de ontem, serão adquiridas 4,5 milhões de unidades. A cidade vai gastar R$ 2.690.400,00 com cachorro-quente.

Mistério – Intriga a mudança de posição dos deputados Luiz Henrique Mandetta (DEM) e Tereza Cristina (PSB) sobre a redução da maioridade penal de 18 para 16 anos. Inicialmente, ele contrariou o partido e votou contra. Ontem, seguiu a orientação do DEM. Já a deputada, contrariou o partido na segunda votação e votou a favor.

De perto – A comissão de deputados vai continuar fiscalizando a obra do Aquário do Pantanal. Depois de verificar a quarentena dos peixes, onde 80% dos animais morreram, o grupo vai até a Fundect, que financiou o projeto. Eles querem conferir o estudo de perto.

Na fila – Depois de votar a redução na taxa de vistoria e os projetos na área da educação, os deputados vão analisar a concessão de desconto para quitar dívidas com a Agência Estadual de Habitação. Segundo o líder do Governo, Rinaldo Modesto (PSDB), é próxima prioridade do Executivo na Casa de Leis.

Dupla – Os deputados estaduais Antonieta Amorim e Renato Câmara foram indicados pelo PMDB para compor duas comissões. Ele será o titular na comissão que vai fiscalizar a redução do preço do óleo diesel nos postos. Ela vai comandar os trabalhos sobre a rota bioceânica.

Estratégia – O vereador Ademir Biu (DEM), de Guia Lopes da Laguna, não participou da sessão que cassou o mandato do prefeito Jácomo Dagostin (PMDB). Ele convocou o suplente para substituí-lo. De olho nas eleições de 2016, ele sonha é com a cadeira de chefe do Executivo no município.

Ausente – Na votação da redução da maioridade penal, a grande ausência foi do deputado federal Zeca do PT. Em decorrência de uma cirurgia de varizes, o ex-governador estará fora da Câmara dos Deputados nas votações importantes, como reforma política e ajuste fiscal.

(colaboraram Priscila Peres, Juliana Brum, Leonardo Rocha, Antonio Marques e Lidiane Kober)

Gaeco tem suspeita de vazamento
Desconfiança – O Gaeco (Grupo de Atuação de Combate ao Crime Organizado), responsável pela investigação que aponta envolvimento de policiais militare...
DEM e a disputa entre André e Reinaldo
Já escolhi - Sobre a declaração de Puccinelli que estaria "namorando" o DEM, o deputado Zé Teixeira fez brincadeira para dizer de qual lado da disput...
Maioria prefere Lava Jato à Copa do Mundo
Copa? – Pesquisa do Instituto Paraná mostra que, a menos de um mês do Mundial da Rússia, o brasileiro não está muito motivado com o assunto. A consul...
Ex-ministro não errou o “do Sul”, mas...
Gafe - O ex-ministro Henrique Meireles (MDB) em um dos diversos discursos no evento em Campo Grande neste sábado (19) confundiu Mato Grosso do Sul co...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions