A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


21/03/2016 06:00

Homem vira presidente do Partido das Mulheres em MS

Ângela Kempfer

Macho alfa - O ex-deputado Pedro Pedrossian Filho assumiu a direção estadual do PMB/MS (Partido da Mulher Brasileira). Além de ocupar o posto mais alto da legenda feminina por aqui, também pode ser o nome escolhido para a disputa pela prefeitura de Campo Grande.

Pré-candidato - Ele revelou que foi convidado por Denise Abreu, pré-candidata à prefeitura de São Paulo. Também descreveu seu novo projeto político como inovador e liberal, com um estado enxuto, com menos ingerência estatal, dando prioridade a setores como saúde, segurança e educação.

Por cima - O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) foi um dos grandes vencedores da janela partidária, conseguindo aumentar a bancada do PSDB, tanto na Câmara Municipal de Campo Grande, como na Assembleia Legislativa.

Quero mais - Mas ele ainda não pendurou as chuteiras na tarefa de arregimentar novos parceiros. Questionado se estava satisfeito, lembrou que ainda pode ter novidades até o dia 2 de abril, data prevista para políticos que não têm mandato.

Confraternização - No fim de semana, o governador parou um pouco com o trabalho político e assumiu o lado produtor. No domingo, Reinaldo Azambuja foi um dos promotores do 39° leilão "Nelorão do MS", que ocorreu na Estância Orsi, em Campo Grande.

Lição feita - Mato Grosso do Sul é um dos únicos estados que tem repassado informação sobre a dengue no Brasil. Segundo o Ministério da Saúde, os dados referente às notificações dos tipos de vírus que atingem o País são enviados apenas por 8 dos 27 estados Brasileiros.

Ranking do bem - Na lista, além de Mato Grosso do Sul, aparecem apenas Espírito Santo, Goiás, Minas Gerais, Mato Grosso, Pernambuco, Paraná e São Paulo.

Aquário - O governo prorrogou por mais 120 dias a paralisação dos serviços da Clima Teck na obra do Aquário do Pantanal. A data da publicação no Diário Oficial do Estado, no entanto, é retroativa a janeiro e tem vencimento em maio, mas tudo indica que a empresa retorne ao canteiro de obras bem antes do prazo.

Em risco - A Clima Teck, assim como as demais contratadas, vão voltar assim que Egelte retomar a obra principal. A empreiteira, por sua vez, afirma que em 30 dias reassumirá a construção. Enquanto isso, quem passa pelo Aquário, no Parque das Nações Indígenas, reclama que não há nenhuma segurança para evitar depredações.

Baixa - A meteorologista Kátia Braga está voltando para o Rio Grande do Sul. Responsável até então pelo Cemtec da Agraer, núcleo de monitoramento do clima, a saída dela deixa o local apenas com um geógrafo, o que limita a atuação e deve interromper os serviços de previsão do tempo.

2018 será ano mais curto para o Legislativo
Três meses – Carnaval, Semana Santa, campanhas eleitorais, Copa... Tudo isso encurta 2018 para os trabalhos legislativos. A observação é de Fábio Tra...
Máfia do Cigarro passa quase livre nas estradas
Esquema antigo - A atuação da Máfia do Cigarro em Mato Grosso do Sul vem de décadas e, de tempos em tempos, surge uma nova denúncia envolvendo polici...
MS também tem "bunker" cheio de dinheiro
Versão tupiniquim - O “bunker”de Geddel Vieira, que escondeu R$ 51 milhões de propina, tem versão pantaneira. Paredes de apartamento de um político e...
Secretário torce e comemora venda da folha
Torcida - Parecia um jogo valendo título a forma como o secretário de Finanças e Planejamento de Campo Grande, Pedro Pedrossian Neto, acompanhava a a...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions