A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 18 de Novembro de 2018


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


02/04/2015 06:00

Políticos dão susto em eleitor com primeiro de abril

Edivaldo Bitencourt

Novo partido – O senador Delcídio do Amaral (PT) assustou os seguidores no Facebook nesta quarta-feira, 1º de abril. Ele anunciou a mudança de partido e de time. Torcedor fanático do São Paulo, ele disse que adotaria o Corinthians. Tudo não passou de uma pegadinha no Dia da Mentira.

Susto – Nas mídias sociais e nos aplicativos, o susto foi informar que Alcides Bernal (PP) tinha obtido nova liminar para retornar ao cargo de prefeito de Campo Grande. A “notícia” de 1º de abril indicava que havia decisão da Justiça estadual.

Disputa interna – A guerra interna por indicação de candidatura a Prefeitura de Campo Grande movimenta os bastidores do PTdoB. Integrantes do partido defendem a ideia de que os deputados estaduais Marcio Fernandes e Mara Caseiro e o vereador Flávio César tentam viabilizar seu nome. A decisão sobre o nome do partido sai no fim deste mês.

Cobaia – A demonstração de luva de eletrocardiograma, alugada pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), teve um servidor como cobaia. O que ele não contava era ficar deitado na maca durante todo o evento que durou quase uma hora.

Lanchinho – Paulo Pedra (PDT) tornou o término de sessão comunitária mais feliz para servidores da Câmara e repórteres. “Ninguém vai sair com fome daqui”, declarou ao distribuir chipa a todos. O salgado é tradicional na Semana Santa entre os católicos da região de fronteira do Estado.

Atraso no recesso – A equipe do vereador Eduardo Romero (PTdoB) vai acordar mais cedo hoje, apesar do ponto facultativo. Ele convocou a equipe para organizar um evento no dia 8 de abril, quando será apresentado o documentário sobre os impactos do Código Florestal na preservação de nascentes.

Exemplo – O deputado estadual Felipe Orro (PDT) rasgou elogios para João Leite Schimidt. Ele o classificou como um idealista na política e exemplo para os demais. Segundo o pedetista, ele entrou e saiu da política com as mãos limpas.

Posição – O PT decidiu, em reunião na semana passada, endurecer a postura de oposição em relação ao prefeito da Capital, Gilmar Olarte (PP). No entanto, a decisão desagradou alguns petistas, como o vereador Marcos Alex. Líder de Bernal no legislativo, ele não gostou da nova postura.

Energia – O deputado Cabo Almi afirmou que a bancada do PT deve decidir quem vai apoiar para presidência da CPI da Enersul. O representante da bancada será o deputado Pedro Kemp. Marquinhos Trad (PMDB) e Paulo Corrêa (PR) disputam a indicação.

Mudança – O deputado estadual Marquinhos Trad observou que os políticos já mudaram de lado na administração estadual. Antes apoiadores do PT, muitos decidiram apoiar a gestão de Reinaldo Azambuja (PSDB).

(colaboraram Leonardo Rocha e Kleber Clajus)

 

Moro deve levar chefe da PF em MS para Brasília
Já vai - Tudo indica que a temporada do delegado da Polícia Federal Luciano Flores na chefia da superintendência da corporação em Mato Grosso do Sul ...
Mochi prevê chamar concursados ainda em 2018
Aguardem - O presidente da Assembleia, o deputado Junior Mochi (MDB), voltou a reafirmar nesta semana que deve fazer nova chamada de aprovados em con...
Marquinhos defende carnaval de rua e cobra segurança
Contra e a favor - Os vereadores repercutiram ontem, durante sessão da Câmara Municipal de Campo Grande, a questão dos carnavais fora de época na Orl...
Novos deputados prestigiam Reinaldo
Aproximação – A assinatura de contratos para a construção de casas populares em Paranaíba e Chapadão do Sul, realizada ontem na Governadoria, contou ...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions