A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 20 de Outubro de 2017


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


21/02/2015 07:00

Preso na Operação Fantoche, "some" do mapa

Edivaldo Bitencourt

Promoção – O superintendente da Polícia Federal em Mato Grosso do Sul, Edgar Paulo Marcon, será promovido. Ele vai ser adido da Embaixada do Brasil em Assunção, capital do Paraguai.

Sono – A lista da Operação Lava Jato, da Polícia Federal, vem tirando o sono de alguns políticos de Mato Grosso do Sul. O mistério deve acabar neste mês, quando o Supremo Tribunal Federal acabar com o sigilo em torno dos 42 nomes de autoridades com foro privilegiado.

Obras – O Governo estadual ainda busca uma fonte para bancar os R$ 3 milhões que faltam para concluir a obra do Aquário do Pantanal. A obra deverá ser concluída ainda neste ano e promete fomentar o turismo em Campo Grande.

Anúncio – O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) adiou para a próxima semana o anúncio sobre a conclusão das obras inacabadas no Estado. No total, faltam R$ 166 milhões dos R$ 540 milhões necessários para concluir a “herança” deixada por André Puccinelli (PMDB).

Brasília – O secretário estadual de Infraestrutura, Marcelo Miglioli, vai a Brasília para uma reunião no Ministério dos Transportes. Esta será a primeira “reunião de rotina” entre o representante estadual e o Governo federal na área de obras rodoviárias e aeroportuárias.

Onda vermelha – A famosa onda verde voltou a sofrer pane na Avenida Fernando Corrêa da Costa. Antes, o sinal ficava verde, no sentido horto-shopping, da Avenida Calógeras até a Rua Padre João Crippa. Agora, os motoristas param na Rua Rui Barbosa.

No estoque – A Prefeitura de Campo Grande divulgou, ontem, que os uniformes e os kits escolares já chegaram. Ontem, o prefeito Gilmar Olarte (PP) foi ao almoxarifado para fazer uma foto com os novos produtos.

Só em março – No entanto, os estudantes só vão receber os kits escolares e os uniformes a partir do dia 1º de março. O prefeito não vê prejuízo na espera de 13 dias para fazer a entrega. “Eles vão usando os antigos, que foram entregues em agosto e estão em bom estado”, garantiu.

Fogo de palha – O sumiço de 26 páginas do processo contra o prefeito não vai comprometer o julgamento. Conforme o Ministério Público Estadual, graças a digitalização, nada foi perdido porque todo o caso está “digitalizado”.

Mistério – Preso na Operação Fantoche no dia 4 deste mês, o ex-coordenador do Fundo de Investimento Cultural, Edilson Aspet Azambuja, “sumiu”. Ministério Público e Justiça não informam se ele está preso ou solto. Oficialmente, ele está detido no 1º Distrito Policial de Ponta Porã. No entanto, no local, a informação é de que ele não está lá. Azambuja é acusado de desviar recursos do fundo.

(colaborou Juliene Katayama e Aline dos Santos)

Temer oscilou sobre decisão de vir para agenda em MS
Às pressas – A vinda do presidente Michel Temer para Mato Grosso do Sul neste sábado foi confirmada em cima da hora. A coluna apurou que tudo indicav...
Detran de MS avalia adesão a parcelar multa no cartão
Ainda não sabemos – O Detran de Mato Grosso do Sul avalia se vai fazer convênios que permitam parcelamento de multas no cartão de crédito. A autoriza...
Delcídio foi "fantasma" em sessão que manteve Aécio
Lembrado – O ex-senador e ex-petista Delcídio do Amaral está longe do Senado desde maio de 2016, quando foi cassado, mas nesta terça-feira foi bastan...
"Nem a pau", diz Correa sobre desistir de ação contra JBS
Negativo - “Nem a pau”. Essa foi a reação do presidente da CPI da JBS, Paulo Correa (PR), à cogitação de retirar a ação contra a empresa, para preser...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions