A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 24 de Maio de 2018


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


09/06/2015 06:00

Vice-governadora quer "se cacifar"

.

Faceira - A vice-governadora Rose Modesto não esconde a satisfação com a preferência dos correligionários por seu nome para concorrer à prefeitura de Campo Grande. Ela, no entanto, evita falar em vontade própria, porque "ninguém é candidato de si mesmo", justifica

História - Para Rose, a candidatura só "vai se cacifar" se ela construir uma "história". Neste sentido, adiantou que está "procurando fazer um trabalho sério" ao lado do governador Reinaldo Azambuja.

Mais gente - Reinaldo evita decretar Rose como a candidata do partido. Segundo ele, "mais gente vem para somar". A expectativa leva em conta possibilidade de a reforma política abrir portas para troca de partido. Só depois, ele vê "cenário definido".

Sem jeito - Um dos novatos no ninho tucano deverá ser o ex-deputado federal Marçal Filho. Ontem, em conversa com o ex-governador André Puccinelli, ele deixou claro que não há chance de permanecer no PMDB. No partido, Marçal não vê possibilidade de candidatura a prefeito de Dourados, porque a legenda teria "dono" e "candidatura fechada" na cidade.

Desertores - O PT tem congresso nacional em Salvador, na próxima quinta-feira. O que não vai faltar é pauta para debates acalorados, envolvendo política econômica e escândalos de corrupção. No total, serão 800 delegados do partido. Uma das preocupações é com as deserções. Por aqui, um dos que pretendem abandonar o barco é o ex-prefeito de Corumbá, Ruiter Cunha.

Fechados - A ONG Brasil Sem Grades entrega hoje em Brasília um abaixo-assinado que pedem a extinção do regime semi-aberto no País. A justificativa é que a cada ano, entre três e quatro mil presos somem sem deixar pistas, graças à possibilidade de sair durante o dia para voltar à noite. O problema é que só foram coletadas 100 mil assinaturas. 

Realidade local - Em Campo Grande são quase 1,5 mil nesse regime. Durante anos, os detentos da Colônia Penal eram figuras certas em ocorrências de crimes violentos pela cidade. A incidência diminuiu, mas esse tipo de caso ainda ocorre com frequência. No Brasil, a estimativa é de que se de janeiro a outubro desse ano forem presas mil pessoas, apenas 150 continuarão na cadeia, o restante vai fugir após progressão para o semi-aberto.

Workchopp - Para atrair empresários com menos de 30 anos, a Associação de Jovens Empreendedores de Campo Grande resolveu investir nas conversas de bar. Hoje, às 19 horas, haverá happy hour com palestrante convidado, Adriano Hermeto, que é sócio proprietário da Domino's, Spoleto e Quiosque da Brahma aqui na Capital. Outras informações podem ser obtidas aqui.

De olho - Uma equipe do Ministério do trabalho vai passar por Três Lagoas, Paranaíba, Ribas do Rio Pardo, Sidrolândia, Guia Lopes da Laguna e Jardim para avaliar como estão as ações intermediação de emprego, executadas pela Funtrab. A intenção é avaliar a qualidade dos serviços prestados.

Gaeco tem suspeita de vazamento
Desconfiança – O Gaeco (Grupo de Atuação de Combate ao Crime Organizado), responsável pela investigação que aponta envolvimento de policiais militare...
DEM e a disputa entre André e Reinaldo
Já escolhi - Sobre a declaração de Puccinelli que estaria "namorando" o DEM, o deputado Zé Teixeira fez brincadeira para dizer de qual lado da disput...
Maioria prefere Lava Jato à Copa do Mundo
Copa? – Pesquisa do Instituto Paraná mostra que, a menos de um mês do Mundial da Rússia, o brasileiro não está muito motivado com o assunto. A consul...
Ex-ministro não errou o “do Sul”, mas...
Gafe - O ex-ministro Henrique Meireles (MDB) em um dos diversos discursos no evento em Campo Grande neste sábado (19) confundiu Mato Grosso do Sul co...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions