A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

18/11/2017 07:25

Com inspiração da Alemanha, presépio encanta no castelo dos Arautos do Evangelho

Cada canto do presépio foi feito minuciosamente e demorou 3 meses para ficar pronto.

Lucas Arruda
Foram três meses até que todo o presépio ficasse pronto (Fotos: Paulo Francis)Foram três meses até que todo o presépio ficasse pronto (Fotos: Paulo Francis)

De quinta a domingo,  o castelo no bairro Rita Vieira acende as luzes do presépio com o espetáculo de luz, som e a magia natalina. A programação segue no mesmo ritmo até o dia 7 de janeiro com apresentação do presépio vivo da igreja Arautos do Evangelho.

As sessões duram em média 20 minutos e acontecem de quinta a sábado às 18h30 e às 21h e no domingo às 18h45 e às 21h.

Cada canto do presépio foi feito minuciosamente e este ano a inspiração veio da Alemanha. Há torres, vitrais coloridos, tudo pensado nos mínimos detalhes. “Cada ano pegamos inspiração em um lugar do mundo. Sabemos que Cristo nasceu em Belém, mas isso é para mostrar que ele nasce no coração de cada um, independente de raça ou cor está presente em todos nós”, afirma Inácio Bach, membro da ordem.

Inácio acredita que apresentações ajudam a reavivar espírito natalinoInácio acredita que apresentações ajudam a reavivar espírito natalino

No ano passado a inspiração do presépio foi o Oriente Médio e no ano anterior o pano de fundo do presépio foi o nosso Pantanal. A narração começa com um nascer do sol e vai contando a história de quando Jesus nasceu, sendo que cada cena acontece numa parte do presépio, que fica iluminada, enquanto toda a sala está escura. Nessa hora o presépio vai se mexendo de acordo com o decorrer da história.

São os próprios membros da igreja que fazem todo o presépio. Este ano foram três meses do início à finalização. “Sempre aproveitamos a mesma estrutura, para o trabalho ficar um pouco mais fácil, senão demoraríamos muito mais. Dividimos em três partes o processo de criação, a estrutural, artística e elétrica, assim fica mais fácil de fazer”, detalha.

Ana Luiza, Janderson e Maria Julia iam assistir pela primeira vez o presépio vivoAna Luiza, Janderson e Maria Julia iam assistir pela primeira vez o presépio vivo

Para ele é muito importante que se continue fazendo o presépio, pois assim pode se recuperar a verdadeira essência do Natal. “Com os anos ela foi se perdendo, com essa encenação deixamos a história mais atraente a todos”, acredita Inácio.

O casal Ana Luiza Medeiros e Janderson Kraemer estavam com a filha Maria Júlia, de 1 ano e meio, para ver a primeira sessão de ontem. Encantados, levaram a criança porque acham importante manter a tradição religiosa na família. “Somos católicos, gostamos de conservar nossa religião e queremos passar isso pra ela. É a primeira vez que estamos aqui, já ouvimos falar, mas não sabemos o que esperar, será uma completa surpresa”, afirma Ana Luiza.

Quem quiser assistir é só comparecer à igreja que fica na rua Rotterdan, 540, Rita Vieira. Na sala onde acontece a encenação cabem até 45 pessoas e grupos podem ser fechados para assistir uma apresentação. Informações pelo telefone: (67) 3042-3434

Acompanhe o Lado B no Facebook e no Instagram.

Luzes, vitrais e bonecos, tudo feito minuciosamente para tocar o coração de quem assistirLuzes, vitrais e bonecos, tudo feito minuciosamente para tocar o coração de quem assistir


imagem transparente

Classificados


Copyright © 2017 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.