ACOMPANHE-NOS    
JUNHO, SÁBADO  19    CAMPO GRANDE 17º

Artes

João usa fotografia para mostrar sensibilidade dos bichos no Pantanal

Por Thailla Torres | 16/05/2021 08:49
Foto feita no trajeto de viagens de João pelo interior do estado. (Foto: João Garrigó)
Foto feita no trajeto de viagens de João pelo interior do estado. (Foto: João Garrigó)

Pouco para dizer, muito para sentir. É com imagens que o fotógrafo João Carrigó, experiente também na fotojornalismo em Campo Grande, se dedica a contar sobre a nova série que o emociona, e que promete emocionar mais pessoas quando chegar ao fim.

Imagens mostram voos, dormidas, brincadeiras ou momentos comuns entre animais que ele encontra por suas andanças em Mato Grosso do Sul, especialmente no Pantanal. A ideia é justamente tentar mostrar a sensibilidade da planície alagada.

“Ainda estou no começo, quero ao fotografar poder aprender mais sobre tudo dessa nossa região, a vida dos ribeirinhos, a vida dos produtores rurais, as comitivas e tudo que vive do Pantanal”, afirma o fotógrafo.

Mas além de registros, João busca retratar a sensibilidade que também permeia a vida dos bichos. “Não só a onça nadando ou pegando um jacaré, mas toda a sua estrutura. É um projeto grande, na verdade uma ideia grande. Se Deus quiser conseguirei produzir”, torce.

Como a série do Pantanal é nova, João diz que ainda tem uma estrada longa pela frente. “Foram somente três dias que fiquei na região. Mas pretendo entender, ficar mais em fazendas, para conhecer o dia a dia do homem pantaneiro, sempre tentando mostrar o “Olhar do Pantanal” da forma que eu vejo, da forma que eu sinto e conseguir transmitir isso com a maior sensibilidade possível”, destaca.

Confira abaixo as fotos feitas nos três dias pela região.

Registrar detalhes do mundo agro também é um dos objetivos do fotógrafo. (Foto: João Garrigó)
Registrar detalhes do mundo agro também é um dos objetivos do fotógrafo. (Foto: João Garrigó)
As fotos trazem a essência dos animais e seus momentos de fofura. (Foto: João Garrigó)
As fotos trazem a essência dos animais e seus momentos de fofura. (Foto: João Garrigó)
Que tal uma dormidinha? (Foto: João Garrigó)
Que tal uma dormidinha? (Foto: João Garrigó)
Tem alguém aí? (Foto: João Garrigó)
Tem alguém aí? (Foto: João Garrigó)
A imponência das aves também está sempre sendo captada pelas lentes de João.
A imponência das aves também está sempre sendo captada pelas lentes de João.

Curta o Lado B no Facebook. Tem uma pauta bacana para sugerir? Mande pelas redes sociais, e-mail: ladob@news.com.br ou no Direto das Ruas através do WhatsApp do Campo Grande News (67) 99669-9563.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário