A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 10 de Dezembro de 2019

22/11/2019 07:57

"Eu sou a menina do 1° DVD", diz Julia que até hoje é fã de Luan Santana

Hoje, dez anos depois ela tem 17 anos ainda é reconhecida pela participação no DVD e passou a acompanhar a carreira do cantor

Alana Portela
Julia Casarin segurando o pôster do ídolo, Luan Santana. (Foto: Paulo Francis)Julia Casarin segurando o pôster do ídolo, Luan Santana. (Foto: Paulo Francis)

Subir no palco na gravação do primeiro DVD de Luan Santana, em 2009, para cantar um trechinho da música “Tô de cara” fez a Julia Casarin virar fã de carteirinha do cantor. Na época, ela tinha 6 anos e foi puxada pelo cantor para ficar ao seu lado, no palco, de frente para a multidão de 85 mil pessoas que estavam no Parque das Nações Indígenas, em Campo Grande. Depois da reportagem de ontem, o Lado B conseguiu chegar até as meninas.

“Estava no ombro do meu tio, pertinho do palco porque o povo ficava empurrando. Teve o momento que ele começou a falar com o público e uma mulher correu e abraçou loucamente ele no palco. Depois Luan olhou para baixo, me viu e foi me puxar. Meu tio não conseguia ver quem estava fazendo isso e me puxava de volta. Eu segurava um cartaz com a foto dele”, lembra Julia.

No pôster estava a imagem do cantor ainda jovem, sem barba, em pé com as mãos no bolso. Era uma das primeiras fotos de divulgação do cantor na época. Julia conseguiu ir ao show na companhia dos tios, pois queria muito conhecer o “Gurizinho de Jaraguari”, como o cantor era conhecido.

Julia beijando o rosto do cantor no dia do evento (Foto: Arquivo pessoal)Julia beijando o rosto do cantor no dia do evento (Foto: Arquivo pessoal)
Luan Santana e Julia no palco do Parque das Nações. (Foto: Arquivo pessoal)Luan Santana e Julia no palco do Parque das Nações. (Foto: Arquivo pessoal)
Julia fala que virou fã de Luan desde a gravação do DVD. (Foto: Paulo Francis)Julia fala que virou fã de Luan desde a gravação do DVD. (Foto: Paulo Francis)

“Meu tio escutava as canções do Luan e eu sabia cantar ‘Falando Sério’ que era tema dele e da minha madrinha, e ‘Meteoro’. O show foi no aniversário da cidade e no dia minha mãe tinha uma festa para ir, mas me deixou meus tios me levarem. Ela acompanhou até o parque porque o evento começaria às 18h, mas foi embora antes da apresentação que iniciou às 21h”, lembra.

Julia estava muito animada e quando Luan subiu a mini fã no palco, colocou o microfone em sua boa e ela soltou a voz. “Tô de cara com você, estou de cara com você. Me apaixonei e você não quer mais me ver. Estou de cara com você. Só sei essa parte”, diz toda feliz. Dez anos depois, a fã lembra que errou a letra. “Achei que ‘Tô de cara’ era errado, por isso falei ‘estou de cara’”.

De cima, ela e Luan ouviu o pai de outra menina, pedindo para puxar a filha. A garotinha estava emocionada e o cantor também colocou-a no palco, mas a emoção era tanta que continuou chorando muito e gritou “Luan Santana, eu te amo”. Para consolar a garota o músico a pediu para enxugar seu rosto com a toalha.

Em seguida, o cantor falou para a banda tocar um “La” e puxou a capela. “Te dei o sol, te dei o mar pra ganhar seu coração” e a garotinha de lilás ainda soluçando completou “você é raio de saudade, meteoro da paixão. Explosão de sentimentos que não pude acreditar”. Julia não ficou de fora e acompanhou no refrão “Ah, como é bom poder te amar”.

“A outra estava chorando muito, então eu cantei. Ele ouviu e disse ‘ué, você disse que só sabia Tô de cara’. Respondi que sabia cantar aquela também. Não aparece no vídeo, mas antes da menina secar o rosto do Luan, um homem veio por trás e pediu para eu fazer isso. Fiquei com nojo e não quis. Na época não entendia e agora me arrependo eternamente”, brinca Julia.

Ao mesmo tempo que era emocionante, ver toda aquela multidão cantando e olhando para o palco, estar ali causou espanto na fã. “Fiquei envergonhada e só olhava para o Luan”. No final, a equipe do cantor levou as meninas para trás do palco. “Foi uma loucura, meus tios não sabiam para onde tinham me levado. O pessoal pediu para eu ficar sentada na escada que alguém viria me buscar, mas depois meu tio contou que não deixavam ele entrar”.

Ela fez um cartaz dizendo que é a menina do 1° DVD (Foto: Paulo Francis)Ela fez um cartaz dizendo que é a menina do 1° DVD (Foto: Paulo Francis)

O show encerrou e Julia voltou para casa mais feliz que nunca. Nem dava para acreditar no que tinha acabado de acontecer. As outras canções, que aprendeu durante o evento, entraram no seu repertório.

No outro dia, quando foi para a escola todos os coleguinhas já sabiam da novidade. “A outra menina que subiu era do mesmo colégio e contou para todos, e virei a menina do DVD. Mas aquela parte só quem é fã mesmo que assiste porque tem que entrar em "extra", depois clicar no ‘Eu te amo Luan Santana’ para ver”, explica.

As músicas de Luan estavam bombando e o cantor conseguiu várias “Luanetes”, que mesmo passado os 10 anos, reconhecem Julia nos shows. “Inclusive minha melhor amiga também é fã dele e me reconheceu no camarim durante um show”, conta.

Depois dali, Julia conseguiu viajar no cruzeiro do Luan em 2012 onde comprou a primeira camiseta. “Vimos ele andando e pedi para autografar. Nos atendeu e escreveu o nome dele. A família toda lembrou de mim”.

Quando completou 15 anos, Julia recebeu um vídeo do ídolo parabenizando pelo aniversário. A gravação foi transmitida num telão durante a festa e arrancou lágrimas da fã. “Não chorei com quase ninguém da família, mas chegou no Luan e não aguentei. Meu pai é amigo do tio dele e pediu essa surpresa pra mim”.

“Muitos falam que o artista nem sabe que a gente existe e que pagamos o salário dele, mas acho que não é só isso. O Luan está lá por nós e as músicas fazem diferença na vida das pessoas. Mesmo depois da fama, sempre manteve a simpatia, atende os fãs e até hoje coloca uma criança no palco para cantar, isso é legal”, afirma.

O amor pelo cantor só aumentou e hoje, aos 17 anos, ela continua acompanhando a carreira do sertanejo. “Vejo os stories, já fui em mais de 10 shows. Nunca investi em outro artista, sempre foi o Luan. Minha avó mora no Paraná e ele toda vez faz show no final do ano por lá, costumo ir”.

Camisetas, DVDs, almofadas, copo e outros objetos que a fã guarda no quarto. (Foto: Paulo Francis)Camisetas, DVDs, almofadas, copo e outros objetos que a fã guarda no quarto. (Foto: Paulo Francis)

Neste ano teve a volta do cantor em Jaraguari. No dia choveu muito e o local da apresentação virou um lamaçal, porém isso não impediu que a fã saísse de Campo Grande para se divertir na lama na cidade vizinha. Hoje, dia 22 de novembro, a adolescente estava se programando para ver o artista no show de Dourados, mas precisou mudar os planos para fazer o vestibular.

Contudo, de consolo, tem vários DVDs, camisetas, pôsteres, almofadas, cartazes, faixas e até copos com o nome do cantor guardados com carinho em seu quarto. Ora e outra, põe as músicas para tocar e cantar, entre as suas preferidas está “Tanto faz”, que representa o amor da fã pelo artista, com a letra.

...Em qualquer lugar que eu vou
Onde você está eu estou, oh, oh, oh
O meu pensamento te segue
Minha saudade te persegue
O meu amor não envelhece
Você não sai da minha mente
É que você me causa febre
De uns 40 graus ou um pouco mais
Eu quero é você
Eu amo só você
E o resto tanto faz... (tanto faz)

Vestido na verdade era cinza e está guardado até hoje por Isabela Maia. Vestido na verdade era cinza e está guardado até hoje por Isabela Maia.

A menina de cinza - Às 22h desta quinta-feira que o Lado B conseguiu descobrir quem era a outra criança que subiu ao palco. Fã mais tímida, Isabela Maia tem hoje 18 anos, e apesar de ter visto e recebido a matéria por amigos, ficou com vergonha de entrar em contato.

À época, Isabela tinha 8 anos e insistentemente pedia para ir à gravação. "Quando falaram que ia ter o show, fiquei enchendo o saco da minha mãe por dois meses para me levar. Ela conseguiu me colocar na área VIP e aconteceu aquilo", recorda.

Isabela só foi nesse show de Luan Santana, mas até hoje o vestido que na verdade era cinza e não lilás está guardado em casa. "É tão especial quando a gente é pequeno e conhece o ídolo assim, foi o primeiro show que eu fui e já aconteceu aquilo, então até hoje eu guardo", finaliza a estudante. 

Curta o Lado B no Facebook e no Instagram.

O que era rápido, melhorou! Seja exclusivo, cadastre o telefone (67) 99981-9077 e receba as notícias mais lidas no Campo Grande News pelo seu WhatsApp. Adicione na sua lista de contato, mande um "OI", e automaticamente você será cadastrado.

Julia segurando os DVDs e com a camiseta do cantor no colo (Foto: Paulo Francis)Julia segurando os DVDs e com a camiseta do cantor no colo (Foto: Paulo Francis)
Campo Grande News - Lista Vip WhatsApp
imagem transparente

Classificados


Copyright © 2019 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.