ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, DOMINGO  07    CAMPO GRANDE 20º

Comportamento

Casamento coletivo fez irmãos subirem ao altar no mesmo dia e horário

Cerimônia aconteceu na igreja Nossa Senhora Perpétuo Socorro e contou com a presença de 45 casais

Por Jéssica Fernandes | 06/08/2022 14:27
45 casais oficializaram união no religioso neste sábado, 06. (Foto: Assessoria Santuário)
45 casais oficializaram união no religioso neste sábado, 06. (Foto: Assessoria Santuário)

A manhã foi cheia de emoções para 45 casais que participaram, neste sábado (06), do casamento comunitário no Santuário Estadual Nossa Senhora Perpétuo Socorro. Tradição da igreja desde 2005, a previsão é que neste ano seja realizada mais uma edição coletiva da cerimônia de legitimação.

Ao Lado B, o padre Reginaldo Padilha fala sobre a importância de contribuir com o sonho dos casais. “Ficamos muito felizes em possibilitar esse sonho de casar na igreja, porque muitos estão casados há 3, 20, 30 anos. É sempre uma oportunidade bonita fazer com que esse momento tão esperado possa ser realizado”, afirma.

Além da cerimônia coletiva deste mês, o padre prevê a realização de mais uma ainda neste ano. “Fazemos dois a cada ano sempre em agosto e vai ter em dezembro também”, diz. As inscrições para o próprio casamento coletivo, segundo ele, devem começar no final de setembro.

Os irmãos Edson e Alfranio com as respectivas esposas. (Foto: Jéssica Fernandes)
Os irmãos Edson e Alfranio com as respectivas esposas. (Foto: Jéssica Fernandes)

Naiane Gonçalves Botelho, de 37 anos, e Alfranio Ajala Artigas, de 43 anos, decidiram realizar a cerimônia na igreja por uma razão especial, o filho de 2 anos. Juntos há 22 anos, eles se conheceram na escola onde estudaram em Aquidauana, a 141 km de Campo Grande, e estão juntos desde então.

Ela explica que viu no casamento comunitário a chance de realizar esse desejo. “A gente quer batizar o Benício e tanto nós quanto os padrinhos não éramos até o momento casados na igreja. Vimos o casamento comunitário e resolvemos aproveitar a oportunidade para realizar o batismo”, afirma.

A cerimônia também foi uma oportunidade para Edson Ajala Artigas, de 45 anos, e Elisangela Fialho, de 42 anos. Escolhidos como padrinhos de Benício, eles estão juntos há 10 anos. “A igreja está abrindo esse espaço de realizar esse sonho nosso. Era o meu sonho casar na igreja”, frisa Elisangela.

Padre Reginaldo Padinha fala sobre amor para o público. (Foto: Assessoria Santuário)
Padre Reginaldo Padinha fala sobre amor para o público. (Foto: Assessoria Santuário)

Apesar de serem casados no civil há uma década, Elisangela não escondeu que estava ansiosa pelo início da cerimônia. “A emoção é como se fôssemos nos conhecer agora”, explica. O sentimento é compartilhado por Naiane que acordou 2h da manhã, pois não conseguia dormir.

Um dos casais mais jovens presentes, Elen Cunha da Silva, de 22 anos, foi quem pediu a mão de Cristofer Moura, de 23 anos. O relacionamento de quatro anos, que resultou na pequena Elisa, de 1 ano, ganha agora mais um capítulo. "Nós já temos uma bebê e quisemos oficializar", comenta a jovem.

Já ele recorda como recebeu o pedido da namorada há dois meses. "Eu estava em casa cuidando da minha filha. Ela mandou mensagem perguntando se eu tinha vontade de casar e eu disse que sim", comenta.

Nesta semana, o Lado B contou a história de outros dois casais presentes no evento de hoje.

Casais trocam votos e recebem a benção do padre. (Foto: Assessoria Santuário)
Casais trocam votos e recebem a benção do padre. (Foto: Assessoria Santuário)

A cerimônia - O casamento começou às 10h20 com a entrada individual dos casais, que foram posicionados nas primeiras fileiras. Ao serem chamados, os 45 casais demonstraram a sua própria maneira a emoção de estarem ali. Enquanto uns estavam visivelmente emocionados, outros controlaram a emoção. A legitimação cerimonial seguiu até 12h com a presença da família, padrinhos e amigos dos casais.

Veja o vídeo:

Acompanhe o Lado B no Instagram @ladobcgoficial, Facebook e Twitter. Tem pauta para sugerir? Mande nas redes sociais ou no Direto das Ruas através do WhatsApp (67) 99669-9563 (chame aqui).

Nos siga no Google Notícias