A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 26 de Maio de 2019

06/05/2019 07:04

Em Campo Grande é mais fácil falar ou aceitar um “eu te amo”?

Depois de vídeo viralizar na internet com reações de pessoas a um telefone com o "eu te amo", fizemos o teste em Campo Grande.

Thailla Torres
Nas ruas, Guilherme topou ligar para uma pessoa que gosta e dizer “eu te amo”. (Foto: Kísie Ainoã)Nas ruas, Guilherme topou ligar para uma pessoa que gosta e dizer “eu te amo”. (Foto: Kísie Ainoã)

Quantas vezes você fala “eu te amo” por dia? Mas não vale sentimento declarado nas redes sociais. Há alguns meses, um vídeo no Facebook chamado “O poder do eu te amo” mostrou o desafio de algumas pessoas em ligar para outras e declarar amor. O resultado mostra que é tão difícil para quem liga, quanto para quem recebe a ligação.

Lado B foi às ruas e fez o teste com o campo-grandense. Muita gente se negou até de participar do desafio, sob a justificativa dos tipos “eu não amo ninguém” ou “ninguém fala que me ama”.  Prova de que a falta de reciprocidade desanima e de que as pessoas andam esperando muito das outras.

Acompanhada do marido, uma mulher de 62 anos, que pediu para não ser identificada, desabafa. “Minha mãe nunca falou eu te amo, então eu não vou ligar”. Do outro lado da Praça Ary Coelho, outro jovem questiona: “E se a pessoa não disser que me ama? Não estou preparado para isso”.

Mas alguns se empolgaram e, além de surpreender a família, romperam barreias ao falar “eu te amo” para pessoas que muita gente teme ou fala mal.

Confira no vídeo abaixo como o campo-grandense reage ao “eu te amo”.



imagem transparente

Classificados


Copyright © 2019 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.