A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 26 de Setembro de 2018

23/04/2017 07:25

Mãe adotiva perde até o Fusca para o "chocolate" quando não falta amor

Ângela Kempfer
Lenilde e a irmã.Lenilde e a irmã.

No mesmo dia em que perdi minha mãe Áurea, aos 7 anos, chegou de Auronzo uma freirinha italiana chamada Silvia e sua primeira missão foi cuidar das duas órfãs quase gêmeas, no internato do Auxiliadora. Lá se vão 58 anos.

Eu "era" terrível, mas tive a sorte de ter por perto minha "carne de pescoço". Com Silvia comecei a percorrer os bairros de terra vermelha até chegar à grande periferia que era o leprosário abandonado que, nas mãos dela e de seus bravos voluntários, transformou-se no hospital mais bonito do Brasil, com certeza.

Para mim, ela é uma espécie de "nave mãe", por isso a chamo de freira mãe. Me desembaraçou os cabelos, deu bronca, me ensinou a trabalhar, me deu conselhos quando casei, me buscou na maternidade quando tive filhos e se divertiu com eles como avó.

Ela tinha um fusca verde cheio de ímãs, chaveirinhos, paisagens italianas e docinhos para presentear os amigos. Eu tocava nas missas de domingo do Sâo Julião e pegava os dedinhos do meu filho Uirá Ramos para fazer os baixos no teclado.

Meu menino Arany Metello gostava de aprontar e, um dia, coloquei-o no Fusca da freira mãe para se distrair: janelas escancaradas e diversão garantida. A um certo momento, a freira mãe entra na igreja e me arranca de lá.

No caminho já senti o "cheiro" da confusão. Arany tinha encontrado uma cesta de chocolates e, naquela hora da manhã, imaginem a caganeira que deu... Ele passou a mão suja nos vidros, tudo se espalhou nos bancos e escorreu pra todo lado.

A missa acabou sem música. Levei meu filhote direto para um tanque enquanto o Fusca fedorento era rebocado. Tiveram que tirar os bancos e durante um bom tempo, mesmo depois de inúmeras lavadas, Silvia me lançava seus famosos "elogios " italianos porque ainda sentia o cheiro ruim. Caspita !!!



imagem transparente

Classificados


Copyright © 2018 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.