ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
MARÇO, SÁBADO  02    CAMPO GRANDE 24º

Comportamento

Fãs sofrem no aeroporto para ganhar, pelo menos, um tchauzinho de Harry

Ângela Kempfer e Francisco Júnior | 14/03/2012 17:02
Harry embarcou há pouco em avião da TAM. (Foto: Marlon Ganassim)
Harry embarcou há pouco em avião da TAM. (Foto: Marlon Ganassim)
Daniele Barbiris, de 20 anos, correu para o Aeroporto Internacional assim que viu a notícia da presença do príncipe Harry em Campo Grande.
Daniele Barbiris, de 20 anos, correu para o Aeroporto Internacional assim que viu a notícia da presença do príncipe Harry em Campo Grande.

A telefonista Daniele Barbiris, de 20 anos, correu para o Aeroporto Internacional assim que viu a notícia da presença do príncipe Harry em Campo Grande. “Não podia deixar passar em branco”, justifica.

Ao lado do irmão e da filha de apenas 1 ano e 4 meses, a esperança é receber nem que seja um tchauzinho da celebridade internacional. “Ele é lindo, melhor que na TV”, comenta.

Ela teve tempo de pegar o príncipe ainda no aeroporto porque ele desembarcou por volta das 16 horas e teve de esperar para seguir até São Paulo.

Também no saguão do aeroporto, Ione Alexius, de 40 anos, parecia descrente ao perceber o que estava acontecendo.

Há nove anos ela mora em Londres, mas nunca viu Harry de perto. “No dia do casamento do Willian eu o vi, mas bem de longe”, lembra.

Em visita à família em Campo Grande, Ione volta hoje para a Inglaterra e acabou tendo a oportunidade, inclusive, de viajar no mesmo voo de Harry, que volta às 17h15 para São Paulo em aeronave comercial da TAM e depois segue para casa.

Enfermeira em Londres, Ione lembra da mãe de Harry ao comentar o fato do príncipe escolher um voo comercial e não uma aeronave particular para a viagem. “Deve ter herdado a simplicidade da princesa Diana”.

Ela espera agora a chance de tirar uma foto para depois comprovar o feito aos colegas ingleses. “Também vou tentar conversar com ele no avião”.

John Hall, de 41 anos, também mora em Londres e hoje chegou ao Brasil para conhecer o Pantanal, foi mais que topou com o príncipe de surpresa. “Moro perto do castelo onde ele mora, mas só aqui consegui vê-lo”, comemora.

O embarque já começou e Harry é o último a entrar na aeronave e vai sentar na poltrona 2A. Ele seguiu com um segurança a funcionária da embaixada da Inglaterra, desembarcará no Aeroporto Internacional de São Paulo e às 22h30 voa para a Inglaterra.

Antes de entrar no avião, as pessoas que esperavam para ver Harry na pista ainda bateram no vidro do restaurante de onde é possível acompanhar o embarque, mas o príncipe não olhou para trás.

Segundo funcionários da Infraero, durante quase uma hora que permaneceu na sala de embarque, Harry conversou muito pouco e ficou descansando.

O príncipe chegou na segunda-feira em Mato Grosso do Sul e os últimos dias ficou em fazenda de Miranda, ao lado do empresário Bernardo Klabim. Hoje almoçou churrasco e depois viajou para Campo Grande. Ele também pretendia conhecer Bonito, mas por causa da forte chuva na cidade, desistiu do programa.

Nos siga no Google Notícias