ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, SÁBADO  24    CAMPO GRANDE 30º

Consumo

Com 25% da obra prontos, Bosque dos Ipês ganha forma na saída de Cuiabá

Por Marta Ferreira | 15/12/2011 11:20

Inauguração está prevista para 15 de novembro de 2012. Para dar tempo, 550 trabalhadores estão trabalhando enquanto tem sol

Estrutura de concreto e ferro contrasta com o verde das propriedades rurais ao fundo. (Foto: João Garrigó)
Estrutura de concreto e ferro contrasta com o verde das propriedades rurais ao fundo. (Foto: João Garrigó)

No Natal de 2012, daqui um ano, o consumidor de Campo Grande vai ter mais uma opção de shopping de grande porte para fazer compras. Com um quarto da obra executado, o Bosque dos Ipês ganha forma a cada dia, como pode perceber quem passa na avenida Assaf Trad, na saída para Cuiabá, ao lado da construção.

É uma imensidão de concreto e ferro que, na foto, contrasta com o verde das propriedades ao fundo do empreendimento.

“É a cidade se desenvolvendo”, testemunha o catarinense Matusalém Cardoso Sena, de 52 anos, um dos 550 trabalhadores do canteiro de obras. Responsável pela limpeza e conservação do local, ele está ali há quase 2 anos, desde antes das fundações começarem.

Foi nessa época que o engenheiro responsável pelos trabalhos, Paulo Medina, veio de Fortaleza, no Ceará, para Campo Grande. Medina chega no local antes das 8h e só sai por volta das 18h30. E assegura: o cronograma está certinho. “O shopping vai ser inaugurado dia 15 de novembro do ano que vem”.

E como fica na temporada de chuvas, desculpa frequente para atrasos em construções? Medina diz que o antídoto é trabalhar mais tempo durante o dia. “Começamos cedo e avançamos até a hora que ainda tem sol”. Os sábados também são dia de trabalho no local.

O engenheiro conta que hoje, os trabalhadores estão na fase mais demorada, das estruturas de concreto. Aos poucos, informa, vão se sobrepondo outras fases, de alvenaria, que já começou em parte da obra, de instalação de estruturas metálicas, de instalações elétricas e hidráulicas, pavimentação, até chegar ao acabamento.

Projeção de como vai ficar o shopping,com 56 mil metros quadrados de área construída. (Foto: Reprodução)
Projeção de como vai ficar o shopping,com 56 mil metros quadrados de área construída. (Foto: Reprodução)

Como será-Projetado por um escritório de arquitetura dos Estados Unidos, o shopping do grupo Jereissati, tem investimento previsto em R$ 200 milhões.

A área total do centro comercial é superior a 100 mil metros quadrados, 56 mil deles de área construída.

Serão 167 lojas, oito delas âncoras , entre as quais uma nova unidade do hipermercado Walmart, e ainda seis salas da rede UCI de cinema. Só para o canteiro de obras, o número de trabalhadores pode chegar a mil, quando as outras fases começaram. No empreendimento pronto, a previsão é de geração de 3 mil vagas.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário