ACOMPANHE-NOS    
JANEIRO, QUINTA  27    CAMPO GRANDE 26º

Consumo

Para quem vai viajar, agora a cidade tem hotel exclusivo para gatos

No 1º hotel do tipo, gatinhos têm ambientes separados e outras regalias, sem nenhum cachorro por perto

Por Jéssica Fernandes | 08/12/2021 09:45
Layrez ao lado de um dos hospedes felinos. (Foto: Jéssica Fernandes)
Layrez ao lado de um dos hospedes felinos. (Foto: Jéssica Fernandes)

A médica-veterinária Layrez Reis, 44 anos, criou um hotel exclusivo para gatos no Bairro Vila Rica, em Campo Grande. No local, os bichanos têm área reservada, arranhador, nichos e outras regalias para garantir o conforto necessário. Apaixonada pelos animais, a profissional abriu o Vida Felina há um ano e já conquistou clientes fiéis de quatro patas.

Embora o negócio seja recente na Capital, a ideia é mais antiga. Há cinco anos, ela administrava um estabelecimento com a mesma proposta em São Paulo (SP). O Lado B conheceu o hotel felino e, inclusive, três dos hóspedes que estavam no momento da entrevista.

O espaço é amplo, arejado, bem iluminado e conta com 10 “gatis” rodeados por telas de proteção. No ambiente, os gatinhos podem brincar com os arranhadores, ficarem nas casinhas ou transitarem entre os nichos fixados nas paredes.

Gatinha dentro do espaço reservado para hospedagem. (Foto: Jéssica Fernandes)
Gatinha dentro do espaço reservado para hospedagem. (Foto: Jéssica Fernandes)

De casa, os donos só precisam trazer a caixa de transporte, a ração e um “cheirinho” para que os pets tenham um cheiro familiar por perto. “É para eles se sentirem seguros e justamente para não terem tantas mudanças. Eu prefiro que traga, porque eles já vão sair de casa e é menos uma mudança“, explica.

Para hospedar o gatinho, o dono ou a dona deve apresentar carteira de vacinação, histórico veterinário, assinar termo de responsabilidade e informar qual é o contato do médico-veterinário que o acompanha, caso tenha algum específico. “Eu peço o contato de algum colega que atende, porque não é paciente meu e não precisa ser eu a médica-veterinária. Eu prefiro ter tudo na minha ficha assinado até o termo de exposição de fotos para colocar no Instagram”, enfatiza.

Outro cuidado que a profissional tem é de perguntar para os donos como é a rotina do animal. “Tudo que é metódico deles, eu prefiro preservar, porque eles tem os horários deles. Então, a pessoa vai chegar pra mim e falar tudo que eles fazem no dia”, explica.

No ambiente, gatos tem arranhadores, caminhas e nichos. (Foto: Jéssica Fernandes)
No ambiente, gatos tem arranhadores, caminhas e nichos. (Foto: Jéssica Fernandes)

De acordo com Layrez, a ideia de abrir o hotel surgiu, a princípio, por uma necessidade pessoal. “Eu pensei: Se eu precisar deixar em algum lugar, onde vou deixar? Eu sempre fiz atendimento especializado em felino e agora, tenho a hospedagem exclusiva”, afirma.

Questionada sobre o motivo de gostar tanto dos felinos, Layres responde com um sorriso no rosto. “Eles ficam mais próximos do que é o natural deles, não permitem tanta humanização, então, eles ainda mantêm a natureza deles e eu gosto disso”, fala.

Com a agenda aberta somente a partir de 10 de janeiro, as diárias no hotel Vida Felina custam R$ 50, sendo que o valor cai para R$ 25 caso o dono queira hospedar mais um gato. Além disso, Layrez faz outros ajustes com os clientes. “Dentro do valor de diárias, fazemos pacotes, porque algumas pessoas viajam, deixam mais de 20 dias”, finaliza.

"Gatis" tem rede de proteção para garantir segurança dos bichanos. (Foto: Jéssica Fernandes)
"Gatis" tem rede de proteção para garantir segurança dos bichanos. (Foto: Jéssica Fernandes)

Quem quiser conhecer o espaço precisa marcar uma visita e as reservas de hospedagem devem ser feitas com um dia de antecedência. O Vida Felina está localizado na Rua Tapajós, 152, Vila Rica. A entrada é na lateral, pela Rua Utiariti, onde tem uma arte com dois gatos coloridos assinada pelo artista Leonardo Mareco. O horário de funcionamento é de segunda a sexta, das 8h às 19h e sábado, das 8h às 13h.

Entrada lateral tem arte temática no muro. (Foto: Jéssica Fernandes)
Entrada lateral tem arte temática no muro. (Foto: Jéssica Fernandes)

Curta o Lado B no Facebook. Tem uma pauta bacana para sugerir? Mande pelas redes sociais, e-mail: ladob@news.com.br ou no Direto das Ruas através do WhatsApp do Campo Grande News (67) 99669-9563.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário