A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 22 de Setembro de 2018

04/04/2018 18:04

Com entrada gratuita, Expogrande abre edição número 80 nesta 5ª

Shows começam nesta sexta-feira e o Procon promete fiscalização rigorosa do cumprimento da lei

Gabriel Neris
Expogrande começa nesta quinta-feira com portões abertos ao público (Foto: Paulo Francis)Expogrande começa nesta quinta-feira com portões abertos ao público (Foto: Paulo Francis)

Começa nesta quinta-feira (5) a 80ª edição da Expogrande, com entrada gratuita no primeiro dia, mas paga a partir de sexta-feira, quando começam os shows. O Procon-MS (Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor) promete rigor quanto ao cumprimento da meia-entrada.

Diversas reuniões foram realizadas entre o superintendente Marcelo Salomão e os diretórios das universidades, UNE (União Nacional dos Estudantes) e UCE (União Campo-grandense dos Estudantes). Todos foram alertados para a validade da carteira oficial e o modelo do documento aceito nas bilheterias do Parque de Exposições Laucídio Coelho.

“Estamos monitorando e atentos ao respeito. Não tivemos denúncia. Chamamos a organização dos shows para que tenha respeito a lei da meia-entrada”, disse Salomão.

Segundo ele, a fiscalização já começará nesta quinta-feira, dia de abertura do evento organizado pela Acrissul (Associação dos Criadores de Mato Grosso do Sul). “Vamos fiscalizar todos os dias, teremos uma van na porta”, disse. Os representantes das Duts Promoções, que ficará responsável pelos shows, também foram chamados na sede do órgão para orientação sobre a meia-entrada.

Salomão afirma que o órgão estará de olho na carga destinada para os estudantes em dias de shows, 40% do total colocado à venda. Denúncias poderão ser feitas pelo telefone 151 ou pelo site do Procon (www.procon.ms.gov.br).

De acordo com a Acrissul, a entrada será cobrada somente nos dias de shows. Hoje haverá a cerimônia de abertura, às 19h30, no Tatersal de Elite I. Nos dias que não houver shows nacionais, a entrada será gratuita e as atrações serão artistas regionais. A agenda de leilões conta com 22 pregões de bovinos, ovinos e equinos até o dia 15 de abril. Para esta quarta-feira está marcado o 18º Leilão Gado de Corte Mulheres BPW (Associação de Mulher de Negócios e Profissionais de Campo Grande).

A abertura contará com a presença do governador Reinaldo Azambuja (PSDB). O ministro da Justiça, Torquato Jardim, recebeu o convite, mas não confirmou presença. Conforme o presidente da Acrissul, Jonatan Pereira Barbosa, após a cerimônia oficial, haverá uma homenagem ao pecuarista Acelino Roberto Ferreira. Na sequência será inaugurada a sede da Casa do Leite, com o descerramento da placa pela autoridades presentes.

As principais atrações do dia são Edson & Hudson e Gustavo Mioto, a partir das 22h. A pista tem entrada gratuita. Outros setores, como área vip e camarote, são cobrados. Na sexta-feira tem as apresentações de Thiaguinho, Atitude 67 e Vintage, com ingressos a partir dos R$ 40. No sábado terá show de Marília Mendonça e Maiara & Maraisa.

A agenda de shows continua com Patati & Patata no domingo; Chitãozinho & Xororó e Bruno & Marrone no dia 12; Henrique & Diego, Alok e Cleber & Cauan no dia 13; Henrique & Juliano e Zé Neto & Cristiano no dia seguinte; e Larissa Manoela no dia 15.

Poluição sonora – Dias atrás o Órgão Especial do TJMS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) alterou sobre a poluição sonora. O julgamento atendeu pedido apresentado pelo Ministério Público Estadual no fim de 2016, contestando mudanças aplicadas nos dois anos anteriores nas leis sobre poluição sonora em Campo Grande, que previam, por exemplo, a exclusão de arte, cultura e música dos conceitos sobre “ruído”; instituíram horário diferenciado de “período noturno” em relação à resolução do Conselho Nacional do Meio Ambiente, tratada como soberana sobre a legislação da Capital; e previram níveis de ruído acima dos determinados nacionalmente em relação a shows musicais e eventos correlatos.

Em 2013, a Câmara da Capital também promoveu alterações na Lei do Silêncio, de forma a permitir que a Expogrande fosse realizada no Parque de Exposições Laucídio Coelho, na Vila Carvalho, localizado em uma área que, com o passar dos anos, tornou-se prioritariamente residencial. A medida também foi tomada em razão de apontamentos do Ministério Público e queixas de moradores sobre emissões de ruídos.

A Acrissul se manifestou sobre o assunto e informou que não há preocupação, mas que o departamento jurídico está atento as mudanças.

Estandes sendo montados, nesta quarta-feira (04). (Foto: Paulo Francis) Estandes sendo montados, nesta quarta-feira (04). (Foto: Paulo Francis)
Animais que serão expostos na feira agropecuária. (Foto: Paulo Francis) Animais que serão expostos na feira agropecuária. (Foto: Paulo Francis)


imagem transparente

Classificados


Copyright © 2018 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.