ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, DOMINGO  14    CAMPO GRANDE 20º

Diversão

Festas de Figueirão e Bataguassu são Patrimônio Imaterial de MS

Festas agora estão inseridas no livro das Celebrações do Patrimônio Imaterial de Mato Grosso do Sul

Por Bárbara Cavalcanti | 10/08/2021 17:59
Fiéis com imagem de Nossa Senhora dos Navegantes. (Foto: Carlos Diehl)
Fiéis com imagem de Nossa Senhora dos Navegantes. (Foto: Carlos Diehl)

A Festa de Nossa Senhora dos Navegantes, no município de Bataguassu, e a Festa do Divino de Santa Tereza, de Figueirão, agora são oficialmente consideradas Patrimônio Imaterial de Mato Grosso do Sul.

A decisão foi do Conselho Estadual de Políticas Culturais, aprovada hoje (10). De acordo com a Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul, as festas foram inseridas no livro das Celebrações do Patrimônio Imaterial.

Agora, são oficialmente reconhecidas por sua manifestação cultural religiosa popular e oral, com o envolvimento dos moradores da comunidade. A celebração segue normas moldes do passado, que assim transmitem a memória e os costumes coletivos.

Festa do Divino Espírito Santo - Ainda de acordo com informações da Fundação de Cultura, a festa de Figueirão acontece tradicionalmente na fazenda Santa Tereza, propriedade da família Malaquias. As festividades acontecem 50 dias após a Páscoa.

Folião segura a tradicional bandeira da Festa do Divino. (Foto: Carlos Diehl)
Folião segura a tradicional bandeira da Festa do Divino. (Foto: Carlos Diehl)

A festa conta com vários foliões, que juntos, percorrem a cavalo aproximadamente 45 fazendas durante duas semanas. Em cada lugar que chegam, os foliões realizam rezas e cantorias acompanhadas de instrumentos musicais como a sanfona, violões e pandeiros. Por fim, acontece o encontro das bandeiras, seguido da tradicional missa, queima da fogueira,  apresentação de catira e baile que vai até o amanhecer, tudo regado à aguardente e muito churrasco.

Foliões comendo churrasco durante as festividades. (Foto: Carlos Diehl)
Foliões comendo churrasco durante as festividades. (Foto: Carlos Diehl)

A origem da festa é uma promessa feita por dona Maria Francelina de Jesus, por causa de uma epidemia de febre amarela. Ela era a segunda mulher de Joaquim Malaquias da Silva e o filho dele, seu Domingos Malaquias, é quem conta toda a história. Ele relata que as preces de dona Maria foram ouvidas e o remédio para a febre chegou, salvando muitas pessoas. Até hoje, seu Domingos é o responsável pelo evento na comunidade, continuando o pagamento da promessa feito por dona Maria.

Procissão entre as fazendas feita com cantorias. (Foto: Carlos Diehl)
Procissão entre as fazendas feita com cantorias. (Foto: Carlos Diehl)

Os moradores organizam entre si quem fica responsável pela organização, limpeza e serviços de cozinha. Ao fim de cada festa, é feito um sorteio para distribuir os trabalhos para o ano seguinte. A festa já é realizada há mais de 100 anos.

Festa de Nossa Senhora dos Navegantes - A tradicional festa de Bataguassu, agora realizada no distrito de Nova Porto XV, acontece todos os anos de 06 a 15 de agosto. No último dia, é feita a tradicional procissão nas águas do Rio Paraná, rumo ao município de Presidente Epitácio, na fronteira com São Paulo.

Fiéis durante procissão com imagem de Nossa Senhora dos Navegantes. (Foto: Carlos Diehl)
Fiéis durante procissão com imagem de Nossa Senhora dos Navegantes. (Foto: Carlos Diehl)

A festa acontece desde 1948, depois de uma promessa que foi feita para que um combatente da Segunda Guerra Mundial retornasse em segurança.

Ao longo do tempo, a festa teve algumas modificações geográficas, devido à inundação causada pela construção da hidrelétrica na região. O sertanejo agora, é mais predominante que o forró. Porém, as festividades ainda preservam as tradições com andores, orações, hinos, shows e música. No final, os foliões aproveitam ainda a queima de fogos, pratos com pescado da região e parque de diversões.

Procissão acontece nas águas do Rio Paraná. (Foto: Carlos Diehl)
Procissão acontece nas águas do Rio Paraná. (Foto: Carlos Diehl)

Curta o Lado B no Facebook. Tem uma pauta bacana para sugerir? Mande pelas redes sociais, e-mail: ladob@news.com.br ou no Direto das Ruas através do WhatsApp do Campo Grande News (67) 99669-9563.

Nos siga no Google Notícias