ACOMPANHE-NOS    
SETEMBRO, DOMINGO  27    CAMPO GRANDE 29º

Diversão

Festival de Dourados recebe Maria Gadú e Sônia Guajajara neste sábado

Hoje é o penúltimo dia do “Festival Mba’e Porã” que ocorre para ajudar índigenas vítimas da covid-19.

Por Thailla Torres | 15/08/2020 09:37
Maria Gadú ao lado de Eloy Terena, durante visita a aldeia de MS, em 2019. (Foto: Arquivo/Campo Grande News/Paulo Francis)
Maria Gadú ao lado de Eloy Terena, durante visita a aldeia de MS, em 2019. (Foto: Arquivo/Campo Grande News/Paulo Francis)

O penúltimo dia do “Festival Mba’e Porã”, realizado desde o último dia 7 para arrecadar recursos aos povos indígenas afetados pela covid-19 em Mato Grosso do Sul é de música, cinema, diálogos e teatro. Neste sábado, entre as atrações estão a cantora Maria Gadú, a líder e ex-candidata a presidência da república Sônia Guajajara e o advogado Eloy Terena , que juntos vão conduzir uma sequência de diálogos.

Ano passado, a cantora brasileira esteve no Estado especialmente para 13ª Grande Assembleia Terena, na Aldeia Ipegue, localizada em Aquidauana – a 135 quilômetros de Campo Grande. Nos últimos anos, ela virou militante da causa indígena, na música e nas andanças pelo Brasil.

Já Eloy,  é o advogado terena que recentemente entrou para a história da Justiça após vitória inédita. Pela primeira vez desde a criação do STF, os povos indígenas foram representados por um dos seus perante o Supremo e eles venceram.

A live nas redes sociais do festival está prevista para iniciar às 17h. Logo depois, às 18h, exibição da websérie “Nativas Narrativas: Mirando mundos possíveis, que vai mostrar perspectivas dos povos indígenas diante da pandemia do novo coronavírus. Às 19h tem leitura de cenas do espetáculo Recusa, da companhia Teatro Belagan com Antonio Salvador e Eduardo Okamoto.

Virou causa de todos - A situação de precarização dos povos indígenas Guarani e Kaiowá no Estado, agravada pela disseminação da covid-19 entre as aldeias, sensibilizou atores, apresentadores e músicos reconhecidos nacionalmente e internacionalmente, como Cissa Guimarães, Renata Sorrah, Dira Paes, Luiz Carlos Vasconcelos, Zeca Baleiro, Renato Teixeira, além de Geraldo Espíndola, Tetê Espíndola e Jerry Espíndola.

Nas redes sociais, diversos artistas manifestaram apoio ao “Festival Mba’e Porã: arte pela proteção dos povos indígenas”, que será realizado virtualmente até amanhã. O evento tem o objetivo de arrecadar recursos para a construção de poços artesianos e para a compra de equipamentos de proteção individual (EPI’s) para os indígenas de Dourados.

O cantor e compositor Zeca Baleiro, por exemplo, que também participará da programação do evento, juntamente com Jerry Espíndola, também falou sobre a solidariedade aos povos originários. “A gente vai cantar, tocar e conversar um pouco, doando a nossa música em um gesto de amor e solidariedade aos povos indígenas, que têm tanto a nos ensinar, sobretudo o respeito à natureza que nós, ‘civilizados’, estamos deixando para trás”, destacou em vídeo publicado nas redes sociais.

Nas redes sociais @festivalmbaepora é possível conferir todos os depoimentos e manifestações de apoio de diversos artistas ao evento. Todas as atrações são transmitidas pelo Facebook e YouTube.

 Para ajudar os povos Guarani e Kaiowá, você pode acompanhar a programação do e fazer uma doação, de qualquer valor, por meio da Vakinha On-line. O Festival também conta com uma exposição on-line, com mais de 50 peças (pinturas, esculturas, artesanato), doadas por artistas do Estado. Basta acessar o site do evento para adquirir uma das obras de arte.

Regras de comentário