ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, QUARTA  27    CAMPO GRANDE 30º

Games

Conheça cada Metroid na famosa saga de Samus Aran

Por Ricardo Syozi | 14/10/2021 07:35
Nesta lista, você vai conhecer os tipos vistos dessa criatura.
Nesta lista, você vai conhecer os tipos vistos dessa criatura.

A caçadora de recompensas Samus Aran é quem conseguiu erradicar com a perigosa espécie de parasitas chamada de Metroid. Nesta lista, você vai conhecer os tipos vistos dessa criatura.

Metroid Hatchling: Em toda a franquia, de todas as dezenas de Metroids que enfrentamos durante cada uma de nossas aventuras, há apenas um que chamamos de “Baby” ou Metroid Hatchling. Dando as caras na versão de Game Boy, no Super Nintendo, e em Other M, esta pequena criatura passa a ser mais um aliado do que um oponente. Começando como uma criatura fofinha e carinhosa, e depois se tornando um dos nomes mais importantes de toda a série. É claro que ele possui uma participação memorável neste título de 3DS.

Metroid Larva: O mais comum para qualquer jogador da série. Este é aquele que enfrentamos em grande quantidade em basicamente todos os games. Num piscar de olhos, eles se agarram a você e sugam toda a energia, nos obrigando a exercer nossas habilidades o quanto antes para nos proteger. Quando ver um, prepare seu ice beam para congelá-lo e destruí-lo, já que eles possuem uma fraqueza enorme para este projétil.

Alpha Metroid: Consideradas a primeira forma evoluída dos Metroids, estas criaturas são agressivas e lentas, porém não são muito difíceis de derrotar. Elas possuem carapaças duras na parte de cima que as protege de tiros, porém, a parte de baixo é suscetível a tiros de ice beam e mísseis. Algumas conseguem usar ataques elementais como fogo e eletricidade, sempre desvie de suas investidas quando elas brilharem na cor de seu elemento, mas use o seu parry na hora que elas vierem com tudo de forma neutra. É neste momento que você poderá causar o maior estrago.

Gamma Metroid: Verdadeiras ameaças à vida de Samus, estes inimigos são máquinas de dar dano. Nesta forma, eles passam a ter quatro patas e se assemelham a grandes insetos. Seus ataques são focados tanto no chão quanto no ar, no primeiro ele dá investidas físicas e solta raios elementais pela boca, no segundo ele ataca com projéteis e com campos de força. A chave do combate aqui é a paciência para aprender suas táticas e esperar o momento certo para fuzilar com tiros de ice beam e mísseis.

Zeta Metroid: Um inimigo extremamente poderoso e rápido. Seu tamanho é proporcional a sua ameaça, dando danos absurdos à nossa heroína. Seus principais ataques são quando eles se fixam nos tetos ou paredes de seus covis atirando ácido ou fogo, abuse de seus mísseis, mas sempre nas horas mais adequadas para não desperdiçá-los. Neste combate, temos que usar tudo o que aprendemos até agora, em especial nos quesitos desvio e precisão. A tentativa e erro serão suficientes para destruir estes covardes fujões.

Omega Metroid: O último estágio de evolução destas vis criaturas (isso sem contar a rainha, claro). Sua força é descomunal, mas sua defesa é ainda mais. O principal ponto fraco dos metroids são seus núcleos que sempre são pouco protegidos, porém com o Omega, eles estão bem cuidados por um tipo de armadura muito resistente. Para conseguir uma abertura, precisamos usar muitos tiros explosivos, mas assim que o fizermos, o tempo para aproveitar é curto e logo a armadura se reconstrói. Fique esperto com suas investidas que podem acabar com Samus em um piscar de olhos. Vencer esta luta não será nada fácil, prepare-se para respirar fundo e aprender com seus erros.

Queen Metroid: A mãe de todos os metroids, aquela que coloca todos os obstáculos no caminho de Samus Aran. Ela é definitivamente uma criatura mortal que jamais pode ser encarada despretensiosamente. Seu tamanho enorme condiz com o dano que proporciona, além disso nós a encontramos em seu covil que possui um tamanho que mal a comporta. Sendo assim, a batalha acaba sendo mais difícil ainda por causa da baixa mobilidade. Abuse de super mísseis para derrotá-la.

Conheça o Video Game Data Base, o museu virtual brasileiro dos videogames.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário