A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 20 de Outubro de 2017

20/09/2017 06:10

Com chef vindo à mesa, bistrô prova que comida sofisticada não precisa ser cara

No Domus Bistrot, menu é baseado em três linhas: o clássico, as releituras e os pratos autorais

Informe Publicitário
Beef Wellington é um clássico inglês de filé mignon envolto em massa folheada e recheado de cogumelo e presunto parmaBeef Wellington é um clássico inglês de filé mignon envolto em massa folheada e recheado de cogumelo e presunto parma

A comida é sofisticada e o ambiente, também. O restaurante que trouxe a essência do bistrô para Campo Grande prova que comer o melhor da gastronomia mediterrânea não precisa sair caro. Há seis meses, a esquina das ruas Antônio Maria Coelho e Brasil abriu as portas como Domus Bistrot, com a proposta de levar clientes a uma experiência pelos sabores das regiões sul da Espanha, França, Itália, Grécia, além de Portugal, com um preço acessível.

Embora o ar requintado do bistrô engane, fazendo achar que se trata de um restaurante caro, na verdade, o valor visto é equivalente ao dos demais estabelecimentos da cidade.

"É um lugar sofisticado sim, mas na parte de técnica. Toda comida é bem feita, todo insumo é de primeira linha, nós não economizamos", explica o chef de cozinha e proprietário, André Nardo. Os pratos vão de R$ 32,00 até R$ 95,00 e os coquetéis, de R$ 16,00 até R$ 45,00. Sendo o mais caro feito a partir de Gin Hendricks, bebida comercializada a R$ 400,00 a garrafa, para se ter uma ideia, e a carta de vinhos, além de variada, oferece garrafas a partir de R$ 69,00.

"O Domus pode ser o que você quiser que seja. Toda massa é feita aqui, na casa. Nosso sorvete é gelato Sésamo, feito exclusivamente para a gente. Temos de entrada a burrata, um produto extremamente artesanal, feito no Estado, que por R$ 45,00 serve até três pessoas", exemplifica o chef.

Andre Nardo proprietárioAndre Nardo proprietário
CasamentoCasamento
Arroz de patoArroz de pato

Aos sábados e domingos, o almoço tem um preço especial, com prato principal e sobremesa por R$ 50,00. E um detalhe: funciona com todo o cardápio disponível a tarde toda. "As pessoas têm essa dificuldade, sábado, 3h da tarde, você vai almoçar, mas onde? Não tem mais lugar. A gente se propõe a isso, cardápio completo do meio-dia à meia-noite", anuncia André.

Desde que imaginou ter um restaurante, o chef conta que pensava em abrir uma casa que impressionasse pelo sabor e pelo ambiente. E o resultado tem sido a escolha dos clientes pelo Domus para comemoração de aniversário, bodas, eventos corporativos e até mini weddings

Com capacidade para 80 pessoas entre as mesas e o lounge, o bistrô prepara um cardápio especial para o evento. "Eu pergunto: 'o que você gosta?' E faço um cardápio customizado, podemos pensar na harmonização com vinho, cervejas e a carta de gin", explica André.

Os 80 lugares são divididos em um layout que traz conforto e também intimidade, com uma distância suficiente entre uma mesa e outra. "É um bistrô como ele é na Europa: uma casa, com uma decoração bacana, comida boa e preços decentes. Isso é o bistrô na França, não é esta glamourização que veio para o Brasil", compara o chef.

O restaurante que trouxe a essência do bistrô para Campo Grande O restaurante que trouxe a essência do bistrô para Campo Grande

O menu é baseado em três linhas: o clássico, as releituras e os pratos autorais. "O spaghetti à carbonara, por exemplo, é um clássico, com ovo, queijo ralado e bacon, sem o creme de leite. No creme brullè deixamos o creme cozinhar um pouco mais, transformando-se em nosso creme brullè de caramelo salgado, finalizado com flor de sal. Entre os autorais, tenho a sopa fria de morango com sorvete de pepino, na qual fiz uma brincadeira com o Gazpacho - sopa fria clássica espanhola - feita de tomate, pimentão e pepino - para fazer essa sobremesa", apresenta André.

O Domus é o único restaurante de Campo Grande a oferecer, de forma permanente no cardápio, pratos com pato. "Temos o arroz de pato, o magret de pato com risoto de espinafre ao curry, também uma releitura do clássico francês, o pato confitado que são coxa e sobrecoxa que cozidas na gordura, em baixa temperatura por horas com tucupi e nhoque de mandioca", detalha o chef

Entre as carnes, há ainda um prato famoso, principalmente depois de ter aparecido no MasterChef. "O beef Wellington é o mais vendido. Um clássico inglês de filé mignon envolto em massa folheada e recheado de cogumelo e presunto parma", explica.

O chef André Nardo descreve os detalhes de cada prato do menu ao cliente com a mesma minúcia com que dá a entrevista. "Eu digo que aprendi em tal lugar, conversou e explico um pouquinho. Passo em todas as mesas", comenta.

O Domus Bistrot aceita reservas, mas não restringe o atendimento a elas. De terça a sexta o bistrô abre das 19h às 23h, aos sábados do meio-dia à meia-noite e aos domingos, do meio-dia às 16h.

O contato para reservas e também eventos é o: 3201-0613 e pelo WhatsApp: 9-9979-4910. O Domus Bistrot fica na Rua Antônio Maria Coelho, 2699 e nas redes sociais, está no Facebook e no Instagram.

 

imagem transparente
Busca

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2017 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.