ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, SÁBADO  24    CAMPO GRANDE 20º

Meio Ambiente

Moradores se unem para podar e retiram árvores com risco de cair

Por Rafael Ribeiro | 28/01/2017 12:58
Moradores e comerciantes se uniram para pagar a poda. (Foto: Marcos Ermínio)
Moradores e comerciantes se uniram para pagar a poda. (Foto: Marcos Ermínio)
Prefeitura e os Bombeiros foram avisados do problema na última quarta-feira (25). (Foto: Marcos Ermínio).
Prefeitura e os Bombeiros foram avisados do problema na última quarta-feira (25). (Foto: Marcos Ermínio).

Moradores e comerciantes da rua Saldanha Marinho, no bairro Amambaí, em Campo Grande, se uniram para pagar a poda e retirada de três árvores que apresentam risco e estão com problemas de cupins.

Segundo eles, a Prefeitura e os Bombeiros foram avisados do problema na última quarta-feira (25), quando uma das árvores desabou com a chuva. Ninguém ficou ferido, mas a estrutura de algumas casas foi atingida pelos galhos.

"Sabemos que a Prefeitura está com muitos problemas para resolver e os Bombeiros tem outras prioridades, por isso agimos por conta própria. O pessoal (poder público) ficou de tirar os galhos depois. E se não tirarem vamos pagar a recolha também", disse um dos moradores, que não quis se identificar.

Segundo ele, no lugar da árvore que desabou será plantada outra, menor. "São árvores antigas, que estão aqui há 30, 40 anos. As duas que ficaram em pé não estão condenadas e com a poda não trarão mais riscos", disse.

A dona de casa Marília Muniz, 56 anos, disse que a ação dos próprios moradores foi decidida por unanimidade. “Ninguém mais aqui aguentava ficar sem energia ou telefone em cada chuva. Os galhos caíam e levavam toda a fiação. Fora o risco. Ninguém andava na calçada tranqüilo”, disse.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário