ACOMPANHE-NOS    
JULHO, QUARTA  15    CAMPO GRANDE 24º

Meio Ambiente

Tenente do exército morreu com mais de mil picadas de abelhas em Miranda

Ângela Kempfer

Por Redação | 24/12/2010 16:33

Tenente do exército morre depois de acidente e ser atacado por abelhas em Miranda

Tenente havia saído de Corumbá na terça-feira, mas em Miranda perdeu o controle do veículo.
Tenente havia saído de Corumbá na terça-feira, mas em Miranda perdeu o controle do veículo.

O tenente do exército Lucas de Assunção, de 23 anos, foi enterrado ontem em São Carlos (SP) depois de sofrer acidente em Miranda (MS). Ele capotou o carro, teve traumatismo craniano, ficou desacordado e foi atacado por enxame de abelhas.

Segundo a perícia, no corpo de Lucas havia sinais de mais de mil picadas de abelhas. Ele chegou a ser socorrido, mas não resistiu.

O tenente havia saído de Corumbá na terça-feira, mas em Miranda perdeu o controle do veículo e acabou vítima do acidente. Não se sabe se ele foi atacado antes ou depois de capotar o veículo.

Segundo o portal G1, Lucas iria passar o Natal com a família, em São Carlos.

No dia 18 de dezembro, caminhão Mercedes Benz, com placas de Rancharia (SP), tombou, depois que o motorista foi atacado por abelhas.

O veículo caiu de num barranco de altura de dois metros. O acidente aconteceu no quilômetro 402 da BR-163, entre Nova Alvorada e Campo Grande Apesar do susto, o motorista Edson Pires, de 46 anos, não teve ferimentos. Ele contou que as abelhas invadiram a cabine do caminhão.

Na tentativa de se livrar do enxame, o caminhoneiro perdeu a direção e tombou, com 27 toneladas de carne.