A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

01/07/2013 20:55

Adiado encontro de comissão da CPI da Saúde com ministro em Brasília

Helton Verão

Foi adiado o encontro entre deputados estaduais que compõem a CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) da Saúde da Assembleia Legislativa e o ministro da saúde, Alexandre Padilha que aconteceria nesta terça-feira em Brasília. O problema de agenda foi o motivo do adiamento.

A informação foi confirmada pelo deputado Lauro Davi (PSB) que estava em Coxim para a entrega da oitava unidade da Cassems (Caixa de Assistência dos Servidores de Mato Grosso do Sul), em Coxim.

Segundo Davi, Padilha tem agenda com a presidente da república Dilma Rousseff e uma nova data será marcada, mas ainda não a previsão sobre ela.

Os parlamentares querem saber como estão sendo feitos os repasses dos recursos do SUS (Sistema Único de Saúde) para unidades hospitalares de Campo Grande, Corumbá, Paranaíba, Dourados, Três Lagoas, Jardim, Coxim, Aquidauana, Nova Andradina, Ponta Porã e Naviraí.

A investigação apura os repasses e convênios feitos nesses 11 municípios nos últimos cinco anos. A CPI tem 120 para apurar as possíveis irregularidades, podendo ser prorrogada por mais dois meses.

Denúncias - Para ajudar no trabalho de investigação, os deputados decidiram criar um e-mail cpisaude@al.ms.leg.br para que as pessoas possam denunciar irregularidades nas unidades hospitalares.

Os deputados também decidiram criar mais uma ferramenta para que as pessoas possam acompanhar os trabalhos que estão sendo feitos pela CPI da Saúde. A fan page (facebook.com/cpidasaudeemms) foi criada na semana passada e servirá para que a população possa acompanhar o trabalho da Comissão Parlamentar de Inquérito.

Ficou definido que as reuniões ordinárias da CPI da Saúde em Mato Grosso do Sul serão realizadas todas as segundas-feiras, a partir das 15 horas, sempre abertas à população. A CPI é composta pelos deputados Amarildo Cruz (PT) - presidente, Lauro Davi (PSB) - vice-presidente, Junior Mochi (PMDB) - relator, Mauricio Picarelli (PMDB) - vice-relator e Onevan de Matos (PSDB) - membro.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions