ACOMPANHE-NOS    
DEZEMBRO, QUARTA  08    CAMPO GRANDE 25º

Política

Após levar um "chocolate" na Câmara, Alcides Bernal evita a imprensa

Por Zemil Rocha | 15/10/2013 20:02
Bernal pode entrar na Justiça contra a Comissão Processante (Foto: arquivo)
Bernal pode entrar na Justiça contra a Comissão Processante (Foto: arquivo)

O prefeito Alcides Bernal (PP) evitou a imprensa depois da decisão tomada pela Câmara de Campo Grande, nesta terça-feira, de abrir processo que pode resultar na cassação do chefe do Executivo municipal. Bernal não atendeu o celular, não postou mensagem em sua página no Facebook, como costumava fazer, e não respondeu a questionamentos enviados pelo Campo Grande News à assessoria de imprensa da prefeitura.

Informações extraoficiais, contudo, são de que o prefeito ficou muito abalado com a decisão dos vereadores, especialmente pelo fato de um filiado de seu partido, o PP, Waldecy Chocalate, ter votado com a oposição a favor da instalação da Comissão Processante. Bernal, que é presidente estadual do PP, já teria determinado que seja aberto processo para expulsar Chocolate.

Também há informações de que o prefeito da Capital vai ter anular a decisão que criou a Comissão Processante através da Justiça. Para ele, a aprovação da abertura do processo, por 21 votos a oito, foi um “golpe político”, orquestrado por aqueles que não aceitam o resultado da eleição do ano passado, vencida por ele com 270 mil votos.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário