A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

07/03/2014 08:48

Após STJ liberar julgamento, André diz que só Deus para ajudar Bernal

Kleber Clajus e Leonardo Rocha
Puccinelli aponta que se houverem irregularidades qualquer prefeito tem que sair (Foto: Cleber Gellio)Puccinelli aponta que se houverem irregularidades "qualquer prefeito tem que sair" (Foto: Cleber Gellio)

O governador André Puccinelli (PMDB) declarou, nesta sexta-feira (7), “que Deus ajude” o prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP), quanto à possibilidade de cassação do progressista pela Câmara Municipal. Ele também pontuou que a perda do cargo só deve ocorrer com “fraude comprovada” e “fundamentação consistente”.

A declaração ocorre após o STJ (Superior Tribunal de Justiça) suspender, ontem (6), liminar do TJMS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) que impedia, desde dezembro do ano passado, a continuidade do julgamento do progressista.

“A justiça derrubou e a investigação tem que continuar. Acredito que só devem cassar o prefeito se houver fraude comprovada e fundamentação consistente contra ele, pois se houver motivos e irregularidades qualquer prefeito tem que sair”, disse Puccinelli.

Para o chefe do Executivo estadual, a tarefa de definir pela continuidade ou não de Bernal é da Câmara Municipal e “não do André ou PMDB”. Ele também defende o papel fiscalizador da Casa de Leis e recomenda a Bernal “que Deus o ajude” neste processo.

Julgamento – A Câmara aguarda a publicação da decisão do presidente do STJ, Félix Fischer, para agendar uma nova data para a sessão de julgamento do progressista. O prazo para instalar o procedimento seria de 30 dias.

De acordo com o presidente da Câmara, vereador Mario Cesar (PMDB), a sessão de julgamento não será continuidade da ocorrida no dia 26 de dezembro, suspenda por decisão do vice-presidente do Tribunal de Justiça do Estado, desembargador João Batista da Costa Marques. “Vai começar do zero”, informou em coletiva.

A decisão do STJ chegou, ainda na quinta-feira, à Câmara através de telegrama. Liminarmente, foi determinada a suspensão de todas as ações que tramitam no Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul sobre a sessão de julgamento de Bernal pela Câmara de Campo Grande.

Após decisão do STJ, vereadores analisam retomada de julgamento de Bernal
Após decisão do STJ (Superior Tribunal de Justiça), os vereadores analisam a retomada do julgamento do prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP)....
Temer diz que adiamento da reforma da Previdência foi 'ótimo' para ganhar votos
O presidente Michel Temer procurou mostrar otimismo ao falar sobre a reforma da Previdência ao dar posse ao deputado federal Carlos Marun (PMDB-MS) c...


A cidade esta em abandono assustador, e o assunto é o msm. Esta novela virou falta de respeito. Lembam da chuva de liminar? O resto de tempo da gestão de Bernal vai ser assim...
 
Mirtes Lourenço Camilo em 10/03/2014 12:52:10
novamente essa novela ?
 
antonio gonçalves da silva em 07/03/2014 09:32:53
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions